Após alemão ser encontrado morto em Santa Teresa, Polícia Civil descarta homicídio

A Polícia Civil descartou, na tarde desta quarta-feira(6), a hipótese de suicídio ou homicídio no caso do alemão de 42 anos que foi encontrado boiando morto na piscina de sua casa, em Santa Teresa (Zona Sul do Rio).

Segundo informações do delegado titular da Delegacia de Homicídios da Capital (DH), Felipe Ettore, as causas mais prováveis da morte são mal súbito ou acidente, já que o corpo não apresentava sinais de violência. Mas o que poderá explicar a morte será um laudo do Instituto Médico Legal (IML), que ficará pronto em 30 dias.

Ainda segundo informações da polícia, a mãe da vítima esteve na casa e acompanhou a segunda perícia, realizada na manhã desta sexta-feira (6). Uma perícia anterior já havia sido feita nesta terça-feira (5).

Ontem (5), policiais do 1º BPM (Estácio) foram chamados no local por volta das 16h, na Rua Professor Mauriti, e encontraram o corpo da vítima sem marcas de violência.

Segundo o delegado Felipe Ettore, caso seja comprovado mal súbito, o processo será arquivado.