PM localiza fábrica clandestina de CDs na Pavuna

Também foi estourado um depósito com 50 máquinas caça-níqueis

RIO - A Coordenadoria de Inteligência da Polícia Militar localizou na manhã desta quinta-feira uma fábrica clandestina de reprodução de CDs, nas proximidades do Terminal Rodoviário da Pavuna. No local, na Rua Abdala Nadja, foram apreendidos cerca de 100 mil CDs, além de maquinário utilizado para gravação. Todo o material será encaminhado para a 39ª DP.

A PM está no local realizando uma operação conjunta com a Polícia Federal de repressão à exploração de máquinas caça-níqueis, nos arredores da Rodoviária da Pavuna. Já foi estourado um depósito com 50 máquinas.

A ação, que conta com apoio de agentes da Subsecretaria de Inteligência da Secretaria de Segurança, faz parte da segunda fase da Operação Estrangulamento, e teve início a partir de levantamentos realizados por agentes da Coordenadoria de Inteligência da PM e da Polícia Federal.

Cerca de 100 policiais, atuando em 16 pontos identificados, participam da operação. Ao final do dia de hoje será divulgado o balanço final das apreensões e prisões realizadas.