Choque de Ordem na Rodoviária e no Santos Dumont acolhe 42 moradores de rua

RIO - Uma operação Choque de Ordem realizada pela Secretaria Especial da Ordem Pública (Seop) no entorno da Rodoviária Novo Rio no Aeroporto Santos Dumont, nesta quinta-feira, feriado de São Sebastião, acolheu 42 moradores de rua (três menores). Os adultos foram encaminhados para o abrigo da Prefeitura em Paciência, os menores para o Centro de Triagem Casa da Carioca, no Estácio.

Foram rebocados 11 carros de passeio e multados 24 por estacionamento irregular e falta de cinto de segurança. Agentes da Secretaria Municipal de Transportes, que deram apoio ao Choque de Ordem, rebocaram um táxi e lacraram dois com documentação irregular. Sessenta táxis foram vistoriados.

Durante a fiscalização, agentes de Controle Urbano apreenderam com ambulantes não autorizados: 30 cervejas, 55 refrigerantes, 50 eletro-eletrônicos, 21 meias, 3 bonés, 6 mochilas e 5 bolsas. Agentes da Vigilância Sanitária autuaram uma lanchonete que funciona dentro da Rodoviária por manter alimentos em temperatura inadequada. Duas toneladas e meia de lixo e entulho foram recolhidas pela Comlurb.

- Vamos intensificar nossas ações na região que é uma das portas de entrada da cidade. A degradação do entorno também tem alimentado o pequeno delito praticado por alguns moradores de rua - disse o secretário especial da Ordem Pública, Alex Costa.

Participaram do Choque de Ordem na Rodoviária Novo Rio e nas imediações do Aeroporto Santos Dumont cerca de de 60 pessoas, entre: agentes da Subsecretaria de Operações e de Controle Urbano da Seop, guardas municipais, agentes da Secretaria Municipal de Transporte, Vigilância Sanitária, garis da Comlurb, agentes da Secretaria Municipal de Assistência Social, de Integração Social da Seop e policiais militares do 5º BPM (Praça da Harmonia). Oito reboques e um caminhão da Comlurb foram utilizados na ação.