Choque de Ordem nas Praias reboca 122 veículos, multa 947 e prende 42 flanelinhas

RIO - A Operação Choque de Ordem nas Praias Verão 2011, realizada neste fim de semana por agentes da Secretaria Especial da Ordem Pública (Seop), com o apoio de guardas municipais, rebocou 122 veículos e multou 947 por estacionamento irregular no trecho da orla do Leme ao Recreio dos Bandeirantes.

A fiscalização realizou um trabalho de orientação aos banhistas próximo ao espelho d'água evitando a prática de jogos de altinho e frescobol assim como a presença de animais naquele trecho da areia. Os fiscais conseguiram impedir: no Flamengo, 23 altinhos, 1 jogo de frescobol, 1 pipa e 5 cachorros na areia. Em Copacabana e no Leme, 108 altinhos, sete jogos de frescobol, uma pipa e 13 cachorros. No Leblon, 8 altinhos. Em Ipanema, foram 51 altinhos, 14 jogos de frescobol, uma pipa e 23 cachorros na areia.

Durante a fiscalização, 42 flanelinhas que atuavam em ruas de Copacabana e da Barra da Tijuca foram detidos e levados para a delegacia por agentes da operação Bacana da Seop. Treze deles atuavam na Av. Lúcio Costa e Érico Veríssimo, na Barra, e foram conduzidos para a 16ª DP (Barra). Os outros 29 flanelinhas, que atuavam na Avenida Nossa Senhora de Copacabana, nas ruas Barata Ribeiro, Gustavo Sampaio, em Copacabana, e na Djalma Urich, no Leblon, foram levados para a 12ª DP (Copacabana). Vinte e seis moradores de rua (10 menores), que estavam na Praia do Flamengo e na orla de Copacabana, foram acolhidos e encaminhados para abrigos da Prefeitura.

Um menor foi detido em flagrante quando furtava uma bicicleta na altura do posto 3, em Copacabana. Agentes também apreenderam 217 DVDs piratas na esquina da Avenida Nossa Senhora de Copacabana e rua Figueiredo Magalhães. O responsável pela mercadoria foi preso e levado para a delegacia. Seis rodinhos que atuavam na Avenida Princesa Isabel tiveram o material aprendido. Todos foram encaminhados para a 12ª DP (Copacabana).

Agentes de Controle Urbano da Seop apreenderam no trecho da areia entre Copacabana e Ipanema: 41 cadeiras com publicidade, 83 guarda-sóis com publicidade, 44 pedaços de cuscuz, 35 de bolo, 22 de cocada, 3 camisas, 6 carrinhos para transportar mercadorias e 3 churrasqueiras de queijo coalho.

- O trabalho de orientação de agentes da Seop e guardas municipais tem sido fundamental para que as pessoas tenham consciência de que praia lotada não combina com a prática de esportes próximo ao espelho d'água. A praia é de todos, e essa ação preventiva tem mostrado que respeitar as normas é positivo e garante um lazer tranquilo aos frequentadores do maior cartão postal do Rio - disse Alex Costa, secretário de Ordem Pública.