HemoRio precisa de doações de sangue para garantir estoque no feriadão

      RIO - O quadro de estoques de sangue do HemoRio - Instituto Estadual de Hematologia Arthur de Siqueira Cavalcanti - é considerado preocupante pela equipe da instituição. O comparecimento para doação continua muito baixo e há chances de haver falta de sangue nos hospitais de emergência do Rio. Segundo a coordenadora de Atendimento ao Doador do instituto, Laura Faria, há apenas em torno de 20 bolsas de sangue do tipo O-, e cerca de 50 dos demais tipos sanguíneos.

Com a chegada do feriado, a tendência, segundo Laura, é que a situação piore. Para evitar a falta de sangue, o HemoRio realizará logo após o feriado uma campanha de doação na Cinelândia, Centro do Rio. Entretanto, o apelo do instituto é para que a população compareça aos postos de coleta no feriadão.

- Existem 25 postos de coleta no estado. As bolsas que temos serão direcionadas para as emergências. Mas com isso, as cirurgias eletivas acabarão sendo adiadas. Pedimos à população que compareça neste fim de semana aos postos de coleta de doação de sangue – destacou Laura Faria.

- Desejamos corrigir este quadro de falta de sangue. Esta campanha que faremos na próxima quinta-feira, dia 4 de novembro, terá duas unidades de coleta externa na Cinelândia para que possamos abastecer os hospitais – acrescentou.

Para doar sangue é preciso levar documento original de identidade com foto e ter entre 18 e 65 anos. É importante não realizar a coleta de sangue em jejum, entretanto é preciso evitar apenas alimentos gordurosos, duas horas antes da doação.

O HemoRio fica na Rua Frei Caneca, nº 8, próximo ao Campo de Santana, e funciona de 7h às 18h. Mais informações podem ser obtidas no site: hemorio.rj.gov.br.