Vigilância Sanitária encontra 117 kg de comida imprópria para consumo em shopping da Barra

Agentes da Vigilância Sanitária visitaram nesta sexta-feira (1º) em um shopping na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, e descartaram 171 kg de alimentos impróprios para o consumo. Dois estabelecimentos tiveram setores parcialmente interditados e 14 receberam autos de infração.

Entre o material inutilizado estavam arroz, peixes, frangos, massas e linguiças. Segundo a Secretaria municipal de Saúde e Defesa Civil, 42 lojas que comercializam alimentos foram inspecionadas, sendo 24 estabelecimentos intimados a cumprir exigências estruturais, técnicas ou por falta de documentação.

A visita faz parta da operação “Shopping Saudável” que verifica estabelecimentos que comercializam alimentos e medicamentos, o atendimento ambulatorial dos frequentadores do shopping, a qualidade da água e do ar, a obediência à Lei 5517/2009, que proíbe o uso de derivados de tabaco em recinto coletivos, e o gerenciamento de resíduos.

Uma clínica teve o setor de esterilização interditado por não ter o tamanho apropriado. Doze tubos de tinta para cabelo vencida foram recolhidos de um salão de beleza e uma clínica de estética precisa fazer algumas alterações estruturais.

Os agentes também visitaram estabelecimentos voltados para a área de saúde. Segundo a Vigilância Sanitária, as três farmácias de manipulação, duas óticas e três drogarias apresentavam condições satisfatórias de funcionamento.