Polícia prende 27 flanelinhas na Zona Sul do Rio

JB Online

RIO - Uma operação Choque de Ordem realizada neste domingo, por agentes da Secretaria Especial da Ordem Pública (Seop), prendeu 27 flanelinhas que agiam nas ruas do Leblon, Ipanema e de Copacabana (Zona Sul do Rio). Entre os detidos, 19 deles já tinham alguma passagem na polícia e 14 foram levados para a 14 DP (Leblon), outros 13 para a 12 DP (Copacabana). Durante a operação, 32 veículos foram rebocados e 50 multados por estacionamento irregular.

"Estamos realizando um trabalho em conjunto com a Polícia Civil para retirar das ruas estes guardadores ilegais que praticam o crime de extorsão intimidando os motoristas. Não vamos tolerar que guardadores ilegais transformem as calçadas e locais proibidos em área de estacionamento", disse Alex Costa, secretário da Ordem Pública.

Na noite de quinta e de sexta-feira passadas, operações Choque de Ordem já tinham detido na Lagoa, Leblon e Ipanema, outros 29 flanelinhas. Desde o início das ações, em janeiro de 2009, cerca de 1.200 flanelinhas já foram retirados das ruas. Como a ação de guardadores ilegais está relacionada diretamente ao ordenamento do espaço público, a Seop atua em parceria com a Polícia no sentido de coibir esta atividade irregular (enquadrada no art. 47 da Lei de Contravenções Penais, exercício ilegal da profissão), que contribui também para o estacionamento irregular.

Ontem, a fiscalização flagrou a ação dos flanelinhas em trechos das ruas Henrique Dumont, Visconde de Pirajá, Ataulfo de Paiva, Nossa Senhora de Copacabana, Barata Ribeiro, Domingos Ferreira, além da Praça Cardeal Arco Verde.