Defesa de Bruno faz novo ataque a Eliza antes de audiência

Portal Terra

RIO DE JANEIRO - A espera da audiência a ser realizada no Fórum de Jacarepaguá, o advogado de defesa do goleiro Bruno, o senhor Marcio Carvalho de Sá, fez mais um ataque à Eliza Samúdio, ex-amante do atleta e atualmente desaparecida.

Segundo o advogado de Bruno, Eliza não foi assassinada naquele dia no estado de Minas. De acordo com Carvalho de Sá, pessoas como ela, vendem seu corpo e freqüentam a orgias, e por isso não não seria difícil afirmar que ela não tenha sofrido algo. Para ele a imagem de Eliza diz por ela mesma, afirmando que seus atos estão expostos até mesmo na internet.

O advogado de defesa afirmou também que irá comprovar ao juizado, que o seqüestro da ex-amante de Bruno não passa de um fato mentiroso e pode ter sido criado para tirar vantagem do goleiro, onde questionou:

- Como uma pessoa seqüestrada , pode ligar para o dito sequestrador e chamá-lo para buscá-la, além de abrir a porta do carro por vontade própria e passar pelos funcionários do condomínio sem ser notada pelos funcionários?

Bruno e seu amigo, Luiz Henrique Romão, o Macarrão, participam nesta tarde de audiência por serem acusados em outubro de 2009, de cometer os crimes de sequestro, cárcere privado e lesão corporal.