Barcas S/A é notificada pelo MP após acidente com catamarã social

JB Online

RIO DE JANEIRO - A concessionárioa Barcas S/A foi notificada, nesta segunda-feira, pelo Ministério Público. De acordo com o órgão, não é a primeira vez que episódios de tumulto envolvendo usuários das barcas acontece.

Na manhã desta segunda-feira, o catamarã social Ingá II se chocou contra as pedras perto da estação Araribóia , em Niterói, quando fazia uma manobra. Dezoito pessoas ficaram feridas.

O MP cobrou cumprimento de um Termo de Ajuste de Conduta (TAC) firmado em 2007 para melhorar o serviço prestado aos usuários. Se não houverem as mudanças necessárias, a concessionária estará sujeita a multas diárias de R$ 3 mil.

A Agetransp e a Capitania dos Portos também foram notificadas e terão que enviar os laudos referentes ao acidente.