Empregada espancada por cinco jovens na Barra receberá meio milhão

Jornal do Brasil

RIO DE JANEIRO - Meio milhão de reais, é quanto receberá de indenização a empregada doméstica Sirlei Dias Carvalho, agredida e roubada por cinco jovens, em julho de 2007, na Barra. A Justiça condenou os agressores a pagar, cada um, R$ 100 mil à vítima. Além da indenização por dano moral, os agressores terão que pagar R$ 1.722,47 por dano material, com correção monetária e juros legais.

Os jovens foram condenados a pagar os salários de empregada doméstica relativos ao tempo em que Sirlei ficou sem trabalhar.

É uma alegria muito grande. A justiça foi feita, disse Sirlei, 32 anos, ontem, ao saber do veredito da juíza Flávia de Almeida Viveiros de Castro, titular da 6ª Vara Cível da Barra.

Além de agredida, Sirlei teve o celular e R$ 47 roubados. Ela não está feliz só pelos R$ 500 mil.

Estou mais feliz por ver que no Brasil a Justiça não foi feita para poucos, mas para todos.

Os cinco jovens, que já haviam sido condenados em 2008, são de condomínios de luxo na Barra.