Academia ao ar livre encanta moradores em Copacabana

José Luiz de Pinho, Jornal do Brasil

RIO - O trecho da areia de Copacabana, em frente ao Hotel Copacabana Palace, está bombando. Para felicidade dos adeptos da ginástica e da malhação, que ganharam uma academia bem equipada, a céu aberto, em frente à praia e o que é melhor: a custo 0800, de graça.

Moradores de Copacabana acham a novidade uma bênção para compensar os transtornos pelo desmanche da arena Fifa Fun Fest, montada para a Copa do Mundo e que interdita 300 metros de areia.

A desmontagem da arena já está demorando muito reclamou o contrarregra Cléber Clementino Silva, 45 anos, morador na Avenida Princesa Isabel. Essa academia veio para compensar.

A professora Denise Cunha, que mora no Leme, critica a demora no desmonte da arena.

Sem contar que esses eventos têm custos altíssimos para a prefeitura. Ao contrário dessa academia, que sai de graça lembrou ela, que se cadastrou domingo.

Instalada desde o dia 18, a Rio Muscle Beach 2010, patrocinada pela ONG Arte e Vida, é intinerante e ficará em Copacabana até 3 de setembro. Antes, veio da Lagoa e seguirá para Ipanema.

É a décima edição do projeto e não há quem não o elogie. Cadastramos por dia cerca de 300 alunos revela a supervisora Maria Aparecida Arouca.

A academia tem 30 aparelhos e dois professores por turno. Funciona em dois horários: 6h30 às 10h30 e 19h às 21h.

O horário mais concorrido é o das 19h às 20h15. As pessoas fazem fila no calçadão para se cadastrarem diz Maria.

Os alunos têm que apresentar documento com foto, CPF, e preencher um questionário sobre saúde pessoal. Quem sofrer de hipertensão, diabetes, artrite só poderá inscrever-se com atestado médico.

Os turistas também não resistem e caem na malhação

Além de musculação, a Rio Muscle Beach 2010 oferece aulas de pilates, tai-chi-chuan, ginástica localizada e capoeira. Nem os turistas resistem a tantas opções sem ter que coçar o bolso. Há apenas quatro meses no Brasil, a argentina Analia Rossi que o diga.

Adoro malhar, e esta academia é um paraíso em plena Praia de Copacabana vibrava ela, que é bioquímica e mora na Rua Barata Ribeiro. Soube hoje e corri para me matricular.

O professor Jonas Henrique Almeida disse que os gringos aderiram à academia na praia mais badalada do Brasil.

Isso aqui virou uma febre afirmou. Além de argentinos, temos cadastrados alunos dos Estados Unidos, Inglaterra, Portugal, Austrália e Chile

Enquanto fazia exercícios para enrijecer as panturrilhas, Maria da Penha Souto, 48 anos, lamentava o pouco tempo que a academia ficará na Princesinha do Mar.

Tinha que ficar pra sempre aqui. Copacabana tem muita gente da terceira idade, que às vezes não pode pagar uma academia lembrou a moradora da Avenida Nossa Senhora de Copacabana.

Morador do Leme, o ator Daniel Araújo, 28 anos, festejava a economia de R$ 150, preço da mensalidade de uma academia no bairro.

Fazem inúmeros eventos em Copacabana, mas trocaria muitos deles pela permanência desta academia, que é uma bênção para nós exaltou Daniel.

O microempresário Geuclei Aasim, o Zulu, assina embaixo.

Melhor do que uma academia destas e de graça, só injeção na testa brincou Zulu.