Polícia vai ouvir mais uma testemunha da morte de jovem em São Gonçalo

JB Online

RIO DE JANEIRO - A polícia prendeu os três suspeitos nesta quarta-feira (23). Amigos da vítima também denunciaram que o carro que teria sido usado pelos suspeitos, circulava pelo cemitério na hora do enterro.

Ainda de acordo com o delegado Geraldo Assed Estefan, graças a ligações feitas para o Disque Denúncia, chegou-se aos três suspeitos a partir de uma informação anônima da placa de um carro que estava no local em que foi encontrado o corpo no dia do crime. Pelo carro, os policiais chegaram ao grupo de amigos.

Alexandre teria sido seqüestrado no ponto de ônibus. Pelo laudo preliminar do Instituto Médico Legal (IML), Alexandre foi espancado, torturado e morto por estrangulamento duas horas depois.