Seop faz Choque de Ordem nas feiras da Zona Sul

JB Online

RIO - Uma operação Choque de Ordem realizada pela Secretaria Especial da Ordem Pública (Seop), na manhã desta terça-feira, na feira livre da Praça General Osório, em Ipanema, apreendeu 5 tabuleiros expostos sem autorização por feirantes e 12 kg de abóbora que estavam armazenados na calçada fora das barracas.

A fiscalização também impediu que duas kombis utilizadas para a venda de frango funcionassem, já que estavam sem a devida autorização. Nesta terça-feira, 110 barracas também deixaram de ser montadas por ausência de representante autorizado e por problemas na documentação.

Com isso, a calçada na altura da Rua Visconde de Pirajá ficou temporariamente liberada para a circulação dos pedestres.

Agentes da Coordenação de Controle Urbano também orientaram os feirantes para que não amarrassem as tendas nas árvores e postes no entorno da praça. O objetivo da fiscalização também fez cumprir o horário de montagem (5h às 7h) e de desmonte das barracas (13h às 14h30), verificar se o tamanho dos tabuleiros estão de acordo com o que foi determinado pela Prefeitura (1,80m por 90cm), se as saias e coberturas das barracas estão padronizadas e coibir a presença de ambulantes infiltrados na feira.

- Viemos constatar se as normas estabelecidas pela Prefeitura foram cumpridas após a primeira fiscalização ocorrida no local há um mês e meio. Há muito tempo não se cumpre as normas determinadas para o funcionamento das feiras livres. Queremos dar à população e aos feirantes uma feira de cara nova - afirmou Alex Costa, secretário de Ordem Pública.

Segundo o secretário, a fiscalização percorrerá outras feiras livres fazendo as mesmas avaliações. Em 20 de abril, o Choque de Ordem chegou à feira livre da Praça General Osório. Na época, os fiscais da Seop retiraram 12 tabuleiros sem autorização, 42 feirantes foram multados por atraso na desmontagem das barracas e um caminhão de peixe, que teve a matrícula cancelada por dez anos de atraso no pagamento da Taxa de Uso de Área Pública (TUAP), foi retirado do local.