Vigilância Sanitária de Niterói divulga recomendações à população

Agência Brasil

RIO - A Vigilância Sanitária de Niterói, um dos municípios do Rio mais atingidos pelos temporais no estado, divulgou algumas recomendações a serem adotadas pela população afetada por alagamentos.

A primeira delas é manter a caixa d'água sempre limpa, usando apenas uma escova macia, sem produtos de limpeza. É preciso secar o fundo com panos limpos, evitando passar nas laterais e, em seguida, deixar entrar um palmo de água e adicionar dois litros de cloro. As paredes devem ser limpas com esta solução. Após duas horas, abra a saída da caixa e a esvazie.

Outra recomendação trata do preparo de água para consumo. Caso a água do sistema público de abastecimento (água encanada) não esteja disponível, é preciso usar cloro na seguinte proporção: 0,1 mililitro (ml) para cada litro de água por 30 minutos.

A Vigilância Sanitária de Niterói recomenda que as pessoas evitem andar em água parada e que as crianças não tomem banho em água de enchentes, por conta dos riscos de contrair doenças, de ocorrer acidentes com fios de alta tensão ou de queda em buracos e bueiros.

Os moradores também não devem permanecer em locais sob risco de desmoronamento. Se estiverem dentro de casa durante um deslizamento de terra, a orientação é que as pessoas não tentem sair e procurem abrigo embaixo de mesas ou outros móveis resistentes. Quem estiver ao ar livre durante o deslizamento deve procurar entrar em um prédio resistente e proteger a cabeça.