Mais de 120 homens trabalham agora no resgate no Morro do Bumba

Gisela magalhães, JB Online

RIO - Cinquenta bombeiros, 50 policiais militares, 18 homens da Força Nacional e oito operadores de máquinas trabalham agora nos serviços de resgate no Morro do Bumba, em Niterói. No local, estão três retroescavadeiras e uma pá mecânica.

Até o momento, seis corpos foram retirados dos escombros das casas que ficaram soterradas pelo deslizamento de terra ocorrido por volta das 19h30 de quarta-feira. Dezoito pessoas foram encaminhadas aos hospitais da região e três foram atendidas no local. Pelo menos 50 casas ficaram destruídas.