Cidade do Rio continua em estado de atenção por causa da chuva

JB Online

RIO - A Defesa Civil do Município do Rio de Janeiro informa que a chuva deve permanecer até amanhã. A cidade permanece em estado de atenção e a

previsão é de chuva moderada até o fim do dia.

A Prefeitura continua em alerta máximo apenas para as regiões com

encostas e pede para que as pessoas que morem nestas áreas procurem um

local seguro, como casa de parentes ou abrigos do órgão.

Desde as 17h de segunda (5) até as 7h da manhã desta quarta-feira, a

Defesa Civil recebeu 786 ocorrências sendo a maior parte devido a

desabamentos de imóveis, rachaduras, deslizamentos de barreiras e

quedas de muros. As ocorrências ocorreram em todas as regiões. Até o

momento, a Defesa Civil realizou 180 interdições de imóveis, e 2.134

pessoas estão desabrigadas.

Até o momento, 37 pessoas morreram no município em decorrência de deslizamentos de barreiras e encostas e de desabamentos de imóveis. As vítimas são das seguintes localidades: Santa Tereza / Morro dos Prazeres (14), Morro dos Macacos (5), Morro do Turano (5), Comunidade

Santa Maria / Taquara (4), Morro do Borel / Tijuca (3), Andaraí (1),

Recreio (1), Ladeira dos Guararapes / Humaitá (1), Cascatinha (1),

Ilha do Governador (1), e Rocinha (1).

Todos os órgãos da prefeitura ligados ao combate aos efeitos da chuva estão com efetivo reforçado. A Comlurb, a Coordenadoria Geral de

Conservação, a Geo-Rio, a Rio-Águas, a Guarda Municipal, a CET-Rio, a

secretaria especial de Ordem Pública e a própria Defesa Civil, com o

apoio dos bombeiros e da polícia militar, colocaram profissionais na

rua para realizar desde a limpeza e ordenamento das vias até a remoção

e socorro da população em áreas de risco.