TJ: jovem acusado de morte de João Hélio está sob custódia da Justiça

JB Online

RIO - O jovem acusado de ser um dos responsáveis pela morte do menino João Hélio, em 2007, libertado no último dia 10, está sob custódia da Justiça, segundo o Tribunal de Justiça do Rio. Na próxima quarta-feira, uma audiência vai definir se ele será incluído definitivamente ou não no Programa de Proteção à Criança e ao Adolescente Ameaçado de Morte (PPCAAM). O rapaz já está sob proteção provisoriamente.

Na última segunda-feira (22), o Ministério Público (MP) entrou com um pedido de anulação de sua inclusão no programa. A gente não se conforma com essa decisão. A própria sentença avalia que seria demandado um maior tempo de internação , diz a promotora Maria Cristina Magalhães.