Policiais civis foram executados nesta tarde, em São Gonçalo

JB Online

RIO DE JANEIRO - A tarde de sol desta quarta-feira foi de morte. Dois policiais civis foram executados e um outro ficou ferido, em São Gonçalo, Região Metropolitana do Rio. Segundo depoimento de testemunhas, os policiais que foram atender uma ocorrência na Rua Pedro Corrêa, no Largo de Itaúna, foi recebido por um grupo de bandidos escondidos em uma casa. Os policiais identificados como Antônio Cézar Fonseca Stockler e João Carlos Gomes Coelho eram lotados na 72ª DP (São Gonçalo).

Esse é o terceiro caso de ataque a policiais em cinco dias. Na sexta-feira, bandidos que estavam em um 'bonde', executaram o sargento Ezequias Veríssimo dos Santos Filho, e o cabo Márcio Passos Barcelos, ambos do 9º BPM (Rocha Miranda) em Madureira, Zona Norte.

Na manhã de domingo, dois bandidos em um Astra preto abriram fogo contra policiais que estavam fazendo patrulhamento fixo em uma viatura da PM na Cidade Nova. O sargento Wilson Alexandre de Carvalho, do 1º BPM (Estácio), morreu na hora com um tiro na cabeça. Ele estava em companhia do soldado Davi de Almeida Wanzeler, que conseguiu fugir, mesmo baleado.