Subprefeitura coíbe ação irregular em feira livre de Copacabana

JB Online

RIO - A Subprefeitura da Zona Sul removeu 108 barracas, em uma ação de ordenamento na feira livre da Praça Serzedelo Correia, em Copacabana, realizada neste domingo, dia 22. As barracas estavam posicionadas fora do espaço delimitado para a feira e não tinham autorização para atuar.

A operação, ocorrida em parceria com a 5ª Região Administrativa e a Secretaria de Ordem Pública (Seop), teve o objetivo de reprimir barraqueiros não cadastrados que se aproveitavam da feira para montar suas barracas e vender seus produtos ao longo das ruas próximas. Outras 34 barracas abandonadas pelos ambulantes também foram apreendidas.

- Retiramos as barracas que estavam progressivamente aumentado a feira de maneira irregular e prejudicando o ordenamento - justificou o subprefeito da Zona Sul, Bruno Ramos. Ele ainda destacou que a maioria dos ambulantes removidos vendia mercadorias não permitidas em feiras como roupas, artesanato e lanches.

A ação foi baseada em denúncias de moradores que reclamam do crescimento e desorganização da feira.

- Realizamos ações constantes no bairro para garantir a ordem pública e tranquilidade de todos - destacou Raphael Gattás, Administrador Regional dos bairros de Copacabana e Leme.

Na sexta-feira uma outra operação aconteceu na feira livre da Praça Nossa Senhora da Paz, em Ipanema, onde 700 quilos de frutas e vegetais que eram vendidos por ambulantes ou pessoas não cadastradas foram recolhidos.

A operação contou ainda com o apoio da Coordenadoria de Controle Urbano, da Guarda Municipal e da Polícia Militar.