Polícia: fraudes em licitações no Rio movimentaram R$ 20 mi

Portal Terra

RIO - A Polícia Civil desmanchou nesta quarta-feira um esquema de fraudes em licitações do governo do Rio de Janeiro envolvendo 12 empresas. Segundo a polícia, entre 2000 e 2008 o grupo de empresas lucrou cerca de R$ 20 milhões. Ainda não há um balanço oficial com o número de pessoas presas.

De acordo com as investigações, as empresas agiam para fraudar resultados de licitações de obras públicas do governo. Elas se reuniam previamente para decidir qual seria a vitoriosa no processo. Para favorecer a escolhida, as outras empresas apresentavam propostas irregulares, com valores muito altos. Elas recebiam até R$ 15 mil para apresentarem os projetos coadjuvantes.

De acordo com a polícia, pelo menos 12 pessoas devem ser indiciadas por crimes contra administração pública, corrupção, crimes contra a lei de licitações e formação de quadrilha.

As investigações da Polícia Civil mostrariam também que os empresários tinham a ajuda de servidores públicos e ainda superfaturavam as obras em 10% e 20% de seus valores originais. Os empresários vinham sendo monitorados por escutas telefônicas com autorização da Justiça.