Convênio garante Delegacia da Terceira Idade em Copacabana

JB Online

RIO - O governo do Estado e a Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro celebram neste domingo, às 10h, convênio para garantir a implantação da Delegacia Especial de Atendimento à Pessoa de Terceira Idade (Deapti), na Rua Figueiredo Magalhães (antigo terreno da Comlurb). Pelo convênio, o estado será responsável pelo projeto arquitetônico, implantação da tecnologia, montagem (eletro-eletrônico, mobiliário, material permanente e material de consumo) e treinamento dos profissionais e, caberá à Prefeitura, a cessão do terreno, os investimentos e a execução da obra civil da nova unidade policial.

A solenidade contará com a presença do governador Sérgio Cabral e do prefeito Eduardo Paes, além da participação do vice-governador Luiz Fernando Pezão e autoridades do estado e do município.

A Deapti terá uma área total construída de 364 m², distribuídas em dois pavimentos. A novidade desta unidade será a implantação de elevador, além de um ambiente reservado ao repouso das pessoas idosas que sofreram algum tipo de violência , até o momento do registro da ocorrência.

Os investimentos previstos nas obras da delegacia serão de aproximadamente R$ 1,4 milhão. O convênio entre Governo do Estado e a Prefeitura do Rio será fundamental para a implantação desta nova unidade policial especial.

A nova delegacia legal terá 13 computadores conectados a central de dados do Programa Delegacia Legal além de impressoras, switch, roteador, scanner, câmera e nobreak. A unidade terá atendentes universitários da área de serviço social e psicologia com experiência em atendimento ao público, além do síndico, que é um técnico não policial que cuida da manutenção predial, do estoque de materiais e de funcionamento de equipamentos. A delegacia será composta por setor de investigação preliminar e de seguimento, além de sala de no break, duas salas de custódia, copa, sala de repouso e sanitários para o público, como também adaptações para portadores de deficiências.

Atualmente, a Deapti está instalada provisoriamente dentro da estação do Metrô Siqueira Campos, em uma área de 40 m² e integrada ao Programa Delegacia Legal.

Estas parcerias são muito importantes para a conclusão do Programa, que já conta com 109 unidades implantadas. O Governo do Estado tem sido pioneiro, tanto nesta parceria com a Prefeitura, quanto na linha de crédito de R$ 157 milhões junto ao BNDES para projetos na área de Segurança Pública. Com estes recursos o governador Sérgio Cabral garante a conclusão Programa Delegacia Legal informou César Campos, coordenador do Grupo Executivo do Programa Delegacia Legal, órgão vinculado à Secretaria de Estado de Obras.