Sobe para 55 o número de grávidas com suspeita de gripe suína no Rio

JB Online

RIO - No final da tarde desta segunda-feira, 27, a Secretaria Estadual de Saúde e Defesa Civil (Sesdec) informou que subiu para 55 o número de grávidas com suspeita de gripe suína. No início do dia, quando visitava o Hospital Albert Schweitzer, em Realengo, o secretário Sérgio Côrtes havia informado que 33 estavam com suspeita da gripe no Estado.

A morte de uma gestante em decorrência de gripe suína já foi confirmada no estado. A mulher, de 29 anos, morreu no dia 17 de julho, depois de apresentar um quadro de pneumonia. Nessa segunda, foi confirmada a morte de uma gestante de 5 meses, que tinha 21 anos e estava internada no hospital Pedro Ernesto, em Niterói.

No domingo, a jovem Rafaela Ribeiro, de 19 anos, grávida de 8 meses, faleceu no hospital Rocha Faria, em Campo Grande. Ela fora internada dias antes no Albert Schweitzer com sintomas de gripe, mas foi liberada. Familiares de Rafaela disseram que ela teve febre alta e respirava com dificuldades.Há também uma morte de grávida em Niterói, mas ainda não foi confirmado o diagnóstico da gripe A. A gerente de vendas Édina Ferreira Magalhães tinha 44 anos e morreu no sábado por quadro de pneumonia .

Além de uma morte e as outras três suspeitas, o Rio já teve outras quatro mortes por gripe suína. Foram duas crianças, uma de 6 e outra de 10 anos, e duas mulheres (de 37 e 39 anos).

Disque Gripe

Nesta segunda, a central de atendimento Disque Gripe foi inaugurada e, segundo a Sesdec, entre 6h e 7h foram feitos em torno de 5.500 atendimentos. O serviço funciona de 6h às 23h30 e o número do telefone gratuito é 0800 28 10 100.