Alfândega do Galeão apreende cocaína e maconha escondidas em objetos

JB Online

RIO - Em procedimento de fiscalização de rotina, no Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro Antonio Carlos Jobim - Galeão, o Grupo de Despacho de Remessas Postais Internacionais apreendeu aproximadamente 8k de cocaína. A apreensão foi fruto de operação conjunta da Alfândega do

Galeão com a Divisão de Repressão ao Contrabando e Descaminho da Receita

Federal (DIREP), e contou com a ajuda da cadela labradora Sharom pertencente a DIREP, dos Correios e de aparelhos de Raio-X.

A droga estava escondida dentro de cartas simples, a grande maioria postada em São Paulo, tendo sido 1 postada em Paraty (RJ) e 3 em Cárceres (MT). O destino era variado, países como Hong Kong, Holanda, Mali, Tailândia e Portugal, mas a grande maioria estava destinada para a Espanha.

O que mais chamou a atenção foi uma caixa de encomenda de importação. Nesta caixa foi encontrada uma camisa feita de maconha, óleo para o corpo contendo maconha e biscoitos de maconha.