Campos vai ganhar R$ 70 milhões para construir estaleiro

JB Online

RIO - Em reunião com o ministro da Secretaria Especial dos Portos, Pedro Brito, nesta terça-feira, em Brasília, os prefeitos Armando Carneiro (Quissamã) e Rosinha Garotinho (Campos) receberam a promessa de repasse de R$ 50 milhões do Governo Federal para a instalação do Complexo Logístico e Industrial de

Barra do Furado. Além da verba federal, o vice-governador Luiz Fernando Pezão, também presente na reunião, se comprometeu em viabilizar mais R$ 20 milhões dos cofres estaduais para o empreendimento.

Além das esferas federal e estadual, os municípios envolvidos também

deverão investir R$ 50 milhões nas obras de dragagem do Canal das Flechas,sendo R$ 15 milhões de Quissamã e outros R$ 35 milhões de Campos. Nos próximos 20 dias, será lançado o edital para o início das obras. O acordo firmado foi considerado por Armando Carneiro como uma vitória política.

- Conseguimos demonstrar para o governo federal que o projeto é viável. Este repasse nada mais é que o resultado de um grande esforço político entre os dois municípios envolvidos e os nossos parceiros - afirmou.

O próximo passo para o Estaleiro é uma reunião, em Brasília, entre uma

equipe técnica formada entre profissionais de Campos e Quissamã, com técnicos da Secretaria Especial dos Portos. A data será definida nos

próximos dias.

De acordo com ministro Sérgio Brito, 30 dias após o acerto dos detalhes

técnicos, os recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC)

estarão disponíveis para aplicação. Sérgio Brito disse ainda que já

conhecia o projeto e considera o empreendimento estratégico para o

desenvolvimento do Rio e do Brasil.

A audiência durou cerca de uma hora e contou com a presença do presidente

da Câmara de Vereadores de Quissamã, Nilton Pinto (Furinga); do deputado

federal Geraldo Pudim (PMDB-RJ), da Secretária de Estado do Ambiente,

Marilene Ramos; da subsecretária de Estado de Desenvolvimento Econômico,

Energia, Indústrias e Serviços, Renata Bezerra Cavalcanti; e dos

secretários municipais de Quissamã Ronaldo Costa (Governo), Rodrigo

Florencio (Comunicação Social) e Erasmo Rodrigues (Fazenda), além de

autoridades de Campos.