Boêmios do Baixo fazem fila por cerveja depois da Choque de Ordem

Ana Paula Verly, JB Online

RIO - Os bares do Baixo Gávea ficaram lotados na noite de quinta-feira, depois da operação Choque de Ordem, que expulsou os ambulantes do lugar. Vendedores clandestinos, no entanto, continuaram a ofecer cerveja, escondidas em sacolas, aos frequentadores. Apesar do comércio ilegal, o público do baixo preferiu se aglomerar nos bares Hipódromo, Braseiro e BG.

Os vendedores de cigarro à varejo e balas também sumiram. O público ficou, mas teve de enfrentar fila para comprar bebida. A do bar BG, o mais movimentado, entrou a madrugada com média de 20 pessoas e espera de até 10 minutos por uma cerveja.

A operação também multou dois bares, apreendeu carros estacionados irregularemente e prendeu dois flanelinhas.