Choque de Ordem no baixo Gávea

Eloisa Leandro, JB Online

RIO - A operação Choque de Ordem, no Baixo Gávea, mal começou e já conta com o saldo de dois flanelinhas presos e um carro apreendido. Entre os guardadores um era menor, o veículo estava estacionado na faixa ilha de pedestre, na esquina da rua José Roberto Macedo Soares com rua Do Oitis, e foi levado para o depósito da prefeitura na praça 11.

A operação conta com seis reboques e duas equipes da Guarda Municipal especializada com bafômetros que ficara na rua Jardim Botânico, em frente a Praça Santo Dumont, e a rua Marquês de São Vicente. Participam ainda da operação fiscais da Secretaria Especial de Ordem Pública, Vigilância Sanitária, Polícia Militar, Guarda Municipal, Comlurb e agentes da operação Ipabacana.

Ao chegar, o secretário especial de Ordem Pública Rodrigo Bethlem foi cumprimentado por um morador que disse não agüentar mais a desordem. Ele reclamou da presença de fila dupla de carros e a partir de agora agentes da Vigilância Sanitária começam a fiscalizar os bares da região.

- O objetivo da operação é coibir todo tipo de irregularidade no baixo gávea ainda vamos tirar de circulação os motoristas que estejam consumindo álcool reafirmou Bethlem.

O secretário ainda flagrou um flanelinha abordando os motoristas, segundo ele, o garoto cobrava R$ 10 por uma vaga. Bethlem disse que o choque na região é um pedido constante da vereadora Andrea Viana