Marinha do Brasil na guerra contra a dengue

JB Online

RIO - A guerra contra a dengue ganhou mais um aliado. A Marinha do Brasil começou, nesta segunda-feira, uma operação de combate. São cem fuzileiros navais atuando em São Gonçalo, município fluminense, para identificar possíveis focos de larvas ou de mosquitos transmissores da doença. Os combatentes também orientam os moradores sobre como se prevenir da dengue. As visitas ocorrerão até abril e a meta é atingir 70 mil imóveis.

Os agentes da Marinha foram treinados pela Secretaria Estadual de Saúde e pela Defesa Civil do Rio de Janeiro. O trabalho é feito em grupo composto por dez militares e um agente de saúde. Se o plano der certo poderá ser implantado em outras cidades. Em 2008, São Gonçalo registrou 2,8 mil casos de dengue e seis óbitos.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais