Cabral decide abrir três mil vagas para a PM ainda em 2009

JB Online

RIO - Serão abertas três mil vagas para a PM em 2009 e mais qautro mil vagas em 2010. A decisão foi tomada em reunião na tarde desta terça-feira, no Palácio Guanabara, entre o governador Sérgio Cabral e o secretário de Segurança José Mariano Beltrame. A secretaria e a PM vão ampliar a capacidade de formação da polícia para que estes 7 mil novos policiais estejam prontos para atuar até o fim de 2010.

Atualmente, a PM forma cerca de 900 recrutas a cada curso. A ideia é que medidas administrativas sejam tomadas para aumentar esta capacidade de formação como, por exemplo, remunerar os professores, que atualmente dão aulas sem receber mais nada por isso. Desta forma, cria-se um incentivo para atrair novos instrutores.

Foi decidido ainda que o Batalhão de Polícia Ferroviária (BPFer) será extinto. Dos 255 policiais atualmente lotados nesta unidade, 90 seguirão fazendo o policiamento das ferrovias através da criação de uma Companhia da PM. Os demais 165 policiais militares serão redistribuídos para outras unidades como mais uma medida para reforçar o policiamento ostensivo no estado.

Também participaram da reunião os subsecretários de Inteligência, Rivaldo Barbosa, e de Integração Operacional, Roberto Sá, além do comandante-geral da PM, coronel Gilson Pitta.