Dado é mais uma vez indiciado por agressão

JB Online

RIO - O ator Dado Dolabella foi indiciado nesta terça-feira por lesão corporal grave pela agressão à camareira Esmeralda de Souza Honório, a Esmê, 62 anos. O ator já havia sido indiciado por lesão corporal leve, na agressão a atriz Luana Piovanni, com base na Lei Maria da Penha.

Ao tentar apartar uma briga entre Luana e Dado, que ainda eram namorados, Esmeralda foi empurrada pelo ator na Boate 00, na Gávea, no dia 23 de outubro. O laudo do segundo exame de corpo de delito da camareira, no IML, atestou que as lesões nos punhos, provocadas pelo empurrão ao cair no chão, a impediram de trabalhar por mais de 30 dias.

O inquérito já foi concluído e será enviado ao Ministério Público. Se condenado o ator pode pegar cinco anos de prisão. O MP já havia denunciado Dado pela agressão a Luana, se condenado, poderá pegar de três meses a três anos de prisão em regime fechado. A justiça determinou que Dado deve manter no mínimo 250 metros de distância de Luana.