Caxias terá Centro de Gestão e Supervisão da Qualidade do Ar

JB Online

RIO - Nesta quinta-feira, às 14h, na sede da TermoRio, no Distrito Industrial de Campos Elíseos, Duque de Caxias, será apresentado o Plano de Gestão e Supervisão da Qualidade do Ar na Região do Pólo Petroquímico de Duque de Caxias, tendo como um dos resultados a implantação, na sede da Feema (Fundação Estadual de Engenharia do Meio Ambiente), do Centro de Gestão e Supervisão da Qualidade do Ar na Região do Pólo.

Com suporte técnico e financeiro da Petrobras, esse equipamento é uma excelente ferramenta de licenciamento, pois é capaz de simular a qualidade do ar a partir de novos empreendimentos no local e também possibilita uma avaliação sistemática das emissões atmosféricas das empresas na região, identificando as fontes de emissões que mais contribuem para a formação de ozônio e outros poluentes.

Essa região concentra atividades relacionadas ao refino de petróleo, petroquímica e distribuição de derivados, representando um dos principais pólos industriais do país.

Em setembro de 2006, a Associação das Empresas de Campos Elíseos (Assecampe) e a Feema assinaram um termo de compromisso para elaborar e implementar o Plano de Gestão. Foi constituído, então, um comitê gestor formado por representantes de cada uma dessas empresas e contratados serviços de consultoria para realizar a montagem do centro de gestão da qualidade do ar, o inventário de fontes de emissão, a análise de possibilidades de melhoria, a modelagem de simulação da qualidade do ar, a proposição de metas e ações de melhoria e a avaliação sistemática dos resultados.

A Usina Termelétrica Governador Leonel Brizola fica na Rua Teresópolis, 185, Campos Elíseos, Duque de Caxias.