Creme de alisamento capilar tem venda proibida

JB Online

RIO - Resolução publicada nesta quarta-feira no Diário Oficial, determina, como medida de interesse sanitário, a interdição cautelar, suspensão de venda e uso do lote QT 1507, data de fabricação 1/10/2007, data de validade 1/10/2010, do produto Creme de Alisamento Capilar e Permaente Afro - Soft Liss, fabricado por Pinhame Indústria e Comércio Ltda, localizada na Rua Catiri, 485, em Bangu.

De acordo com a resolução, todos os estabelecimentos de comércio de produtos cosméticos em funcionamento no Estado deverão retirar o lote do produto das prateleiras. As lojas estarão sujeitos à inspeção das Vigilâncias Sanitárias dos municípios e caso não cumpram com a determinação estarão cometendo infração de natureza sanitária, estando sujeitos a sanções previstas em lei federal.