Açudes serão implodidos em Campos

JB Online

RIO - Na manhã desta quarta-feira, técnicos da Serla e da Universidade Estadual do Norte Fluminense, sobrevoaram Campos, durante uma hora e 20 minutos, de helicóptero. O grupo pôde observar a existência de diversos diques construídos irregularmente em trechos de rios que cortam propriedades rurais localizadas dentro do município.

As obras, segundo o professor José Carlos Mendonça, da Universidade Estadual do Norte Fluminense, contribuíram para o alagamento registrado e só a demolição permitirá o escoamento das águas que tomam boa parte do município.

Em conjunto com a secretária de Estado do Ambiente, Marilene Ramos, e o promotor Marcelo Bastos Lessa, ficou decidido pela implosão dos açudes, o que deve ocorrer o mais rápido possível talvez ainda na tarde de hoje.

Uma empresa especializada neste tipo de serviço foi contratada pela Serla e o material que será usado na operação já está a caminho de Campos, em um caminhão blindado. Já os técnicos em implosão aguardam apenas a melhora do tempo para que possam se deslocar, de helicóptero, para a cidade.

- Serão implodidos os açudes laterais particulares que estão sendo usados para proteger as plantações agrícolas. Essa é nossa ação prioritária, neste momento, aqui em Campos esclarece o presidente da Serla, Luiz Firmino Martins Pereira.