Estudante é morto a tiros em tentativa de assalto em Ramos

JB Online

RIO - O universitário e técnico de Enfermagem André Diego Correia da Silva, 22 anos, foi morto em tentativa de assalto, no início da noite desta quinta-feira, na Estrada do Engenho da Pedra, esquina com Avenida Brasil, em Ramos.

Ele estava ao volante do Vectra preto quando foi abordado por homens armados com fuzis e pistolas. Ele teria acelerado o carro e os bandidos abriram fogo. O veículo foi atingido por pelo menos 10 tiros. Um disparo de pistola atingiu as costas do estudante e um de fuzil, de raspão, a cabeça.

André havia sido aprovado para concurso de bombeiros e, horas antes de ser assassinado, tinha ido ao quartel-geral levar documentos para tomar posse como cabo técnico de Enfermagem.

Mesmo atingido, André dirigiu por 200 metros e parou o carro na pista lateral da Avenida Brasil, sentido Centro. Policiais do Batalhão de Policiamento em Vias Especiais (BPVE) chamaram os Bombeiros, mas a vítima morreu antes de ser socorrido.

O caso está sendo investigado por policiais da 21ª DP (Bonsucesso).