Cabral quer administrar aeroporto Tom Jobim e porto do Rio

JB Online

RIO - O governador Sérgio Cabral propôs ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva, nesta quarta-feira, que a administração do Aeroporto Internacional Tom Jobim, na Ilha do Governador, e do Porto do Rio, no Centro da cidade, passe para o governo estadual que, em parceria com a iniciativa privada, promoveria as reformas urgentes e necessárias nesses dois terminais.

Segundo ele, o presidente da República recebeu a proposta favoravelmente, mas ainda não deu uma resposta.

- Ele está desejoso, mas age com a cautela necessária, pois como presidente tem de ouvir todos os lados. Convidaríamos uma empresa privada para administrar os terminais. Com a Infraero não sai nada - comentou Cabral.

De acordo com Cabral, em recente viagem de uma missão empresarial do estado à Alemanha sob sua liderança, a empresa alemã Fraport manifestou interesse em assumir a administração do Tom Jobim. Cabral disse que vai encaminhar à ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, o desejo da empresa.

O governador manifestou ainda o interesse em assumir as obras do Morro da Providência, que foram embargadas pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sob a alegação de estarem beneficiando um pré-candidato à Prefeitura do Rio. Ele pretende conversar sobre esta possibilidade com o ministro das Cidades, Márcio Fortes, de cuja pasta são os recursos usados nas obras de reforma de mais de 750 casas da comunidade.

- Temos a chance de encontrar uma melhor solução. Temos de fazer um esforço para que os moradores não percam estas benfeitorias e, aliás, aproveitar para fazer uma intervenção mais ampla, como estamos fazendo com o PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), em alguns complexos de comunidades carentes do Rio. Ali, estão sendo investidos centenas de milhões de reais que, de fato, vão mudar a face dessas comunidades- ressaltou.