Alerj terá comissão para avaliar concessão de rodovia

JB Online

RIO - A Assembléia Legislativa do Rio aprovou, nesta terça-feira, em discussão única, a criação de uma comissão especial para avaliar o processo de concessão à iniciativa privada do trecho localizado do estado do Rio da rodovia BR-101 (Translitorânea). A comissão será composta de cinco membros e terá o prazo de quatro meses para concluir seus trabalhos, a partir da publicação de seu edital de criação. Segundo o deputado Glauco Lopes (PSDB), autor do requerimento 108/07, que traz a proposta, o objetivo do trabalho será analisar particularmente a instalação de cinco novos postos de pedágio do estado.

- A instalação destes postos deve ser avaliada para evitar discrepâncias na distribuição da cobrança. De acordo com o edital, dois destes pedágios serão instalados no meio dos municípios de São Gonçalo e Casimiro de Abreu e a cidade de Campos também será dividida por dois postos - acentua Lopes, de acordo com a assessoria.

A nova comissão será instalada no início de agosto e terá 60 dias para concluir seus trabalhos, prorrogáveis por mais 60.