Servidores do Degase realizam Assembléia

JB Online

RIO - Cerca de 1.400 servidores do Degase realizam Assembléia Geral Extraordinária nesta terça-feira, às 16h, em frente ao Degase, na Ilha do Governador. O assunto principal é a revisão do PCCS (Plano de Cargos, Carreiras e Salários) e um indicativo de greve.

Apesar da boa relação do Sind-Degase com a Direção-Geral até o incidente do flagrante de um ex-contratado colando cartazes com denúncias de estelionato contra o direitor-geral Eduardo Pires Gameleiro, a Direção-Geral decidiu romper qualquer tipo de diálogo com a Diretoria do Sindicato como se ela fosse responsável por tal ocorrência.

É muito estranho que isto ocorra na hora que vai acontecer a revisão do nosso Plano de Cargos e Salários, que foi conseguido após muitos anos de luta. É no mínimo arbitrário executar mudanças na principal vitória conquistada pela categoria em toda a sua história sem discutir com ela própria diz Marcos Aurélio, presidente do Sind-Degase, que desde o episódio está sofrendo perseguições no Departamento. Ele foi transferido de unidade e teve negado a AIM (Autorizacao de Inspeção Médica).

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais