Tribunal de Caontas faz auditoria na Faetec

JB Online

RIO - Os auditores do Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ) vão iniciar na tarde desta segunda-feira uma inspeção especial na Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec), em razão das denúncias de superfaturamento de material. Os resultados serão apresentados em até 30 dias.

Nesta quinta-feira, policiais da Delegacia Fazendária (Delfaz) realizaram, uma operação de busca e apreensão na Faetec e na empresa Sílvia & Marques Cia Ltda., para

buscar indícios que comprovassem a compra de equipamentos por preços acima dos praticados no mercado. Os agentes foram até a Faetec depois da denúncia feita pelo funcionário Erotildes Alves Moura.

A investigação descobriu irregularidades nas compras efetuadas e um superfaturamento de até 13,504% nos preços do material. Um alargador de tubo de aço, que pode ser comprado nas lojas por R$ 8,60, foi adquirido pela Fundação por R$1.700, conforme constava na nota fiscal. Uma chapa pré-sensibilizada, que é vendida por R$500 foi comprada por R$ 64 mil. A polícia apreendeu notas fiscais e computadores

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais