Emfermeira seq6uestrada em Campos é libertada

JB Online

RIO - Foi libertada na manhã desta sexta-feira a enfermeira-chefe do Hospital Geral Doutor Beda, em Campos. Ela foi seqüestrada por bandidos na noite desta quinta-feira. Segundo a polícia civil, a enfermeira, identificada apenas como Denise, foi abordada por três bandidos quando chegava em casa no bairro Parque Tarcísio Miranda, por volta de 20 h. Os bandidos entraram no carro da vítima e tentaram sacar dinheiro em vários bancos. Como eles não conseguiram efetuar os saques, ligaram para a chefe da enfermeira, pedindo resgate de R$ 10 mil.

A polícia de Campos e a Delegacia Anti-Sequestro foram informadas do caso e orientaram a negociação. O grupo exigiu falar com Denise antes de liberar o dinheiro, o que não foi autorizado pelos sequestradores. Por volta de 11h30 desta sexta-feira, a enfermeira foi encontrada em um canavial. Ela contou ter sido liberada pelos bandidos às 5h, quando agricultores começaram a chegar à área onde eles a mantinham presa. O carro da enfermeira foi recuperado pela polícia no bairro da Penha, em Campos.