Cabral pode pedir ajuda à Cuba na luta contra a dengue

JB Online

RIO - O governador Sérgio Cabral pode pedir ajuda à Cuba, caso o número de médicos convocados em outros Estados não seja suficiente para suprir a falta de médicos no Rio. A Secretaria Estadual de Saúde informou que faltam 154 pediatras no Estado, e que por conta disso, três tendas ainda não puderam ser abertas.

Nesta quarta-feira, o Governo do Estado colocou anúncios nos principais jornais, convocando médicos para trabalhar em plantões de 12 e 24h. Os primeiros médicos, cedidos pela Secretaria de Saúde do Rio Grande do Sul, devem chegar ao Rio neste fim de semana. Nesta quinta-feira, secretários de saúde de todo o Estado se reunem no Rio para discutir ações contra à epidemia de dengue. As informações são da CBN.