Polícia prende homem acusado de estelionato em Bangu

JB Online

RIO - Policiais da 34ª DP (Bangu) desencadearam, nesta quinta-feira, a Operação Caça Fantasma, para reprimir golpes de estelionato aplicados em Bangu, Zona Oeste do Rio. Na ação, eles prenderam em flagrante Manoel Jorge Laurentino de Carvalho, conhecido como Beija Flor, de 58 anos. Ele era investigado há dois meses.

Manoel Jorge foi surpreendido na loja IBI CARD, na Rua Cônego de Vasconcelos, que fica no calçadão de Bangu, onde aplicava mais um golpe. Da empresa, Manoel Jorge, sacou R$ 1.680, apreendidos pelos policiais.

Com o falsário foram apreendidas uma carteira nacional de habilitação falsa, em nome de Walter Monteiro, advogado aposentado pelo INSS; o comprovante de renda original emitido pelo o instituto e de residência. O advogado contou na delegacia que não foi vítima de roubo, porém seu contracheque do mês de dezembro passado não foi entregue em sua casa, como de costume.

Os agentes também apreenderam com Manoel Jorge diversos cartões de crédito em nome do advogado e de outras três pessoas. Segundo os policiais, o estelionatário já havia conseguido empréstimos em nome do advogado.

Dois comparsas de Manoel Jorge, uma mulher e um homem, não identificados, fugiram do calçadão de Bangu, com a chegada dos policiais. Segundo a polícia, estelionatário se negou a prestar depoimento na delegacia. O delegado titular da 34ª DP , Emerson Franco Rocha, disse que a investigação vai continuar para identificar os cúmplices de Manoel Jorge, como também outros golpistas que agem naquela região.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais