Professores, pais e alunos discutem educação

Agência JB

RIO - Professores, pais e alunos participam, nesta quarta-feira, do encerramento da I Jornada Pedagógica Limites da Educação x Sociedade Moderna. A iniciativa é do Colégio Estadual Zumbi dos Palmares, de Duque de Caxias. Para atender aos três turnos, o evento acontecerá nos seguintes horários: 10h, 14h e 19h. Segundo os organizadores, a expectativa de público é de 300 pessoas.

Desde agosto, a escola vem promovendo atividades com os estudantes sobre o livro Limites: três dimensões educacionais, do psicólogo especializado em desenvolvimento moral, Yves De La Taille. O autor apresenta a noção de limites como barreiras que precisam ser transpostas, restrições que os adultos precisam garantir para que haja desenvolvimento e, por fim, um modo para que crianças, adolescentes e jovens preservem sua intimidade e respeito.

A professora Mônica Rodrigues de Oliveira explica que, quando assumiu a direção do CE Zumbi dos Palmares, há nove meses, percebeu o crescimento da indisciplina dos alunos e a necessidade de limites. Foi então que surgiu a proposta de se implementar uma ação integrada sobre o assunto.

- Mostramos aos professores e ao pessoal de apoio que precisavam abraçar a idéia. Já podemos sentir os reflexos. Hoje não temos uma pichação dentro da escola e os estudantes estão mais amigos dos funcionários - revelou.

Os professores de todas as áreas se debruçaram na leitura da obra e elaboraram um projeto interdisciplinar para as turmas da Classe de Alfabetização até o Ensino Médio. Em Português e Literatura, por exemplo, foi lançada a pergunta: há limites na Literatura? Em Biologia, o conteúdo proposto foi a reeducação alimentar; em Geografia, foram trabalhados os limites no trânsito e, na disciplina de Matemática, foi proposta uma pesquisa em encartes de supermercados para debater os limites para o consumo e a compra compulsiva.

Nesta quarta-feira, os alunos vão apresentar os resultados de todo o material colhido: cartazes e peças teatrais, com base em comentários sobre trechos do livro e visitas a espaços culturais.

Para Mônica, não basta só envolver os profissionais da própria escola, mas de todo o bairro. Assim, os resultados são positivos.

No dia 17 deste mês, como parte da I Jornada Pedagógica, a unidade reuniu cerca de 120 professores e diretores das redes pública e privada, que participaram dinâmicas rítmicas, organizadas pelo coordenador da Animação Cultural da SEEDUC, J. Fernandes, além de oficinas e palestras.

O subsecretário de Planejamento da Educação, Godofredo de Oliveira Neto, também esteve presente ao encontro.

- Esse tipo de seminário comprova o interesse da direção e da coordenação por temas que dizem respeito ao dia-a-dia dos alunos e têm repercussão no processo ensino-aprendizagem curricular. A escola está de parabéns disse o subsecretário.