Corpos de vítimas de acidente na Avenida Brasil já estão no IML

Marcello Victor, Agência JB

RIO - A assessoria de Comunicação Social do Corpo de Bombeiros divulgou há pouco, os nomes de cinco dos sete mortos no acidente ocorrido na manhã deste sábado, na pista sentido Centro da Avenida Brasil, em Santíssimo, Zona Oeste do Rio, envolvendo uma carreta e dois veículos de passeio. Três crianças morreram. Entre elas está David de Andrade da Cruz. Os adultos são Carlos José Moraes Góis, Priscila de Andrade da Cruz, André Luiz do Nascimento Cruz e Márcia Cristina do Nascimento.

Segundo o Corpo de Bombeiros, todos os mortos estavam no Corsa placa LAR-9888. Os corpos já estão no Instituto Médico Legal (IML), no Centro do Rio. Segundo testemunhas, alguns estariam mutilados.

Ednaldo Santos Lima, de 35 anos, motorista do Gol, ficou ferido e foi socorrido por bombeiros do quartel de Campo Grande. Ele está internado no Hospital Rocha Faria, em Campo Grande, também na Zona Oeste. Segundo os bombeiros, o motorista da carreta placa IXN-2020, Antônio Carlos Pereira Guimarães, de 54 anos, recusou atendimento.

Por volta das 10h30, o motorista do Corsa seguia pela pista sentido sentido Zona Oeste quando derrapou na pista, rodou, atravessou o canteiro e bateu de frente na carreta, que trafegava no sentido contrário, além de atingir o Gol placa LBO-0363. O ajudante da carreta, Agnes da Conceição, disse que testemunhas informaram que um dos pneus do Corsa teria estourado.

O congestionamento chegou a três quilômetros, no sentido Centro, devido à curiosidade dos motoristas. Uma faixa da pista foi interditada ao tráfego. Policiais do Batalhão de Policiamento em Vias Especiais (BPVE) ainda estão no local auxiliando a orientar o trânsito. No momento, o trânsito apresenta um quilômetro de lentidão. Os veículos já foram retirados da pista.