Reitoria da UFF é fechada por servidores e estudantes

Agência JB

RIO - Em protesto pela ameaça de corte do ponto de servidores públicos da Universidade Federal Fluminense (UFF), em greve há 22 dias, funcionários, com o apoio de estudantes fecharam, na manhã desta quarta-feira, os acessos ao prédio da reitoria, em Niterói, na Região Metropolitana do Rio.

Os manifestantes trancaram o portão principal com um cadeado e utilizaram cavaletes para impedir o acesso ao local. Barracas também foram usadas. Não há previsão para a reabertura. A reitoria ainda não se manifestou sobre o caso.