MP pede abertura de inquérito envolvendo suspeito de tráfico

Agência JB

RIO - O promotor da 23ª Promotoria de Investigação Penal do Ministério Público, Homero das Neves Freitas Filho, requisitou à Corregedoria da Polícia Civil, na manhã desta quinta-feira, a instauração de inquérito policial para apurar o fato de o homem suspeito de chefiar o grupo que tentou invadir o Morro da Mineira, na terça-feira, ter sido solto.

Thiago de Melo Castro, conhecido como TH ou Thiaguinho, foi detido por policiais militares no Cemitério do Catumbi, durante a operação policial montada para intervir na guerra de traficantes que provocou pânico no bairro.

O suspeito foi levado para a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) junto com outros suspeitos e liberado em seguida.

O promotor justifica a necessidade da apuração rigorosa dos acontecimentos, já que os fatos narrados nas edições dos jornais desta quinta feira falam sobre possível desvio de conduta dos policiais civis.

O promotor determinou, ainda, que sejam identificados e ouvidos o delegado titular da DPCA ou o delegado substituto que estava de plantão na unidade no dia do evento; que seja identificada e ouvida toda a equipe de policiais civis que estava de plantão na DPCA no momento em que o suspeito chegou à delegacia; que sejam identificados e ouvidos os PMs que participaram diretamente da prisão e, principalmente, os que encaminharam o preso à delegacia; e que seja identificado e ouvido o comandante da operação policial militar que culminou com a prisão de Thiago.