Advogado de Anísio diz ser 'fantasia' acusação de fraude

REUTERS

BRASÍLIA - O advogado Ubiratan Guedes negou que seu cliente, Aniz Abrão David, presidente de honra da Escola de samba Beija-Flor, tivesse fraudado o resultado do carnaval do Rio de Janeiro neste ano.

- Isso é impossível, porque são 40 jurados. Isso é fantasia.

David, conhecido como Anísio da Beija-Flor, foi preso nesta sexta feira pela Operação Furacão da Polícia Federal, junto com mais 24 acusados de pertencer a esquema de jogos ilícitos, corrupção e tráfico de influência.

Guedes considerou a prisão precipitada, já que só a partir desta terça-feira os advogados dos 25 presos passarão a ter acesso ao processo.

- Acho que foi precipitada a decisão que determinou a prisão, porque se não havia condições para fornecer aos advogados aquilo que eles necessitavam não poderiam ter prendido.

Apesar de o relator do processo no Supremo Tribunal Federal (STF), Cezar Peluso, ter concedido acesso ao processo, os advogados ques estiveram na manhã desta terça na Superintedência da Polícia Federal reclamaram que estão apenas podendo olhar o documento, sem direito a uma cópia.

- É impossível ver um processo de 20 volumes em apenas uma hora em cima de um balcão - disse David Zangirolami, que é advogado dos empresários Paulo Lino e Jaime Dias

Ao meio dia, os advogados vão ao Supremo para ter acesso ao inquérito. Os cinco depimimentos que estavam marcados para esta manhã só vão começar às 14h.