Romário diz que é a favor da democracia, apesar de apoio de vice a Bolsonaro

O candidato do Podemos ao governo do Estado do Rio, Romário Faria, afirmou há pouco, no debate promovido pela TV Globo, que será sempre a favor da democracia, ao responder a pergunta sobre o apoio de seu candidato a vice, o deputado federal Marcelo Delaroli (PR-RJ), ao candidato à Presidência do PSL, Jair Bolsonaro.

A pergunta foi colocada pelo candidato do PSOL, Tarcísio Motta, que fez referência aos protestos organizados por mulheres, contra Bolsonaro, em todas as capitais do País no último sábado. Motta chamou o projeto de Bolsonaro de "machista, racista e autoritário" e interpelou Romário sobre o apoio ao candidato presidencial.

O ex-jogador de futebol disse que não poderia dizer em quem seu candidato a vice deveria votar. "Independente do meu vice ter apoiado Bolsonaro, serei sempre a favor da democracia", afirmou Romário, evitando assumir apoio a qualquer candidato a presidente. "Como governador, vou governar com qualquer presidente", afirmou Romário.