Bope realiza operações em São João de Meriti

RIO - Policiais do Batalhão de Operações Especiais (BOPE) e do Batalhão de Choque realizam operações em São João de Meriti, na Baixada Fluminense. A ação acontece na favela do Guarani e se extende às comunidades de Vila Rute, Dique, Caixa d’Água, Cruzeiro e Amor.

Os objetivos são retirar as barricadas colocadas por traficantes em favelas da região e buscar pistas dos bandidos envolvidos com os recentes casos de violência na cidade. No último domingo, cinco pessoas foram mortas e outras dez ficaram feridas após homens em uma picape abrirem fogo contra os convidados de uma festa no bairro do Éden.

De acordo com informações da 64ª Delegacia de Polícia (Vilar dos Telles), um dos sobreviventes da chacina - baleado de raspão na perna - afirmou que passou a sofrer ameaças depois de começar a namorar uma jovem que já teve um caso com o traficante Vinícius Ancelmo de Araújo da Luz, conhecido como Jogador.

Segundo a testemunha, os traficantes Luiz Fernando Nascimento Ferreira, o Nando Bacalhau, Renato Ramos da Fonseca, o Renatinho, e um terceiro criminoso ainda não identificado também participaram da ação. A namorada da vítima não estava no local.

Os cinco mortos foram identificados como Rozilene Nacimento de Oliveira, de 37 anos; Tiago da Silva Santos, 25; Walace Oliveira de Jesus, 16; Felipe Consentino, 19; e Marcos Otávio Barbosa, 16, que seria filho da mulher que comemorava o aniversário com familiares e amigos.