T urano não se contenta só com UPP

-->Além da pr esença da polícia, morador es da comunidade exigem pr ojetos sociais do estado-->José Luiz de Pinho-->Ao contrário dos mor ador es do Morr o do Bor el, na T ijuca, que ainda v eem com desconfiança a UPP instalada na com unidade, dez enas de ha bitantes do Morr o do T u r ano , no Rio Comprido , saí- r a m às ruas par a cele br ar a im- plantação da Unidade de P olícia P acificador a na f a v ela, a 12ª no Rio e a quinta na Zona Norte da cidade. Mas, apesar de apoiar a instalação da UPP , o pr esidente da Associação de Mor ador es do Morr o do T u r ano , G ílson Rodri- gues de Ar aújo , disse que o g o- v erno do estado pr ecisará adotar br e v emente pr ojetos sociais par a atender a com unidade. – Não adianta só pacificar , ter só os policiais aqui n o morr o e os mo - r ador e s contin uar em sofr endo com o desempr ego e a ausência de pr o - jetos par a a melhoria da nossa r e a - lidade – r eclamou Gílson. – Esta - mos otimistas por melhorias. Comandante da UPP do T urna - no , o capitão A lmir Beltr an adian - tou que a com u nidade será aten - dida em suas r e i vindicações, como ficou acertado no encontr o entr e ele e mor ador e s na segunda-feir a. – D ar emos contin uidade aos tr a balhos sociais com uns às UPPs. N o T u r ano , p r etendo apr o- v eitar a quadr a par a pr omo v er e v entos esporti v os e sho ws – adiantou o capitão .-->Beltrame minimiza arrastões-->Dur ante o e v ento , o secr etário de Segur ança Pública do Rio , J osé Mariano Beltr ame, minimiz ou a onda de arr astões que têm assus - tado os cariocas. Até anteontem f or am cinco em menos de uma se - mana. Os dois últimos no J ar dim Botânico e na Estr ada do J oá. – Não sei se ca be o nome arr astão a dois ou três assaltos ou duas ou três pessoas assaltadas. Entende - mos que se tr ata de assaltos, não de arr astões – disse o secr etário , ale - gando que de No v a Iguaçu ao J oá milhões de pessoas r e sidem e cir - culam pela cidade. Beltr ame disse, ainda, que a polícia já tem pistas dos suspeitos que na quarta-feir a fec har am a Rua F a r o , no J a r d im Botânico , pa- r a assaltar motoristas. – No caso do J ar dim Botânico é uma f amília que tem, inclusi v e, tr adição , com passagem pela po- lícia. Já identificamos e estamos atrás deles – completou.-->Macacos, Mangueira ou São Carlos-->A 13ª UPP de v erá ser ser ins- talada n u ma das seguintes com u- nidades: Morr o dos Macacos, Mangueir a ou São Car los. Na UPP do Morr o do T ur ano vão tr a balhar 180 policiais militar es em oito co- m u nidades do morr o: Matinha, Chacrinha, Rodo , Sumaré, Liber- dade, P edacinho do Céu, 117 e P aula Ramos, beneficiando cer ca de 18 mil mor ador es da r egião . Com a UPP d o T ur ano , a Secr e- taria de Segur ança pr etende fe- c har o cinturão de segur ança na r egião da Gr ande T ijuca.