Anna Ramalho

-->aramalhojb.com.br-->Com -->Luiz Cláudio de Almeida e Pedr o Reis-->Martelo batido-->A ABL fec hou com o Itamar aty a data de 28 de outubr o par a a inau- gur ação que cele br a a v olta de V i - nicius d e Mor aes aos quadr os da Ca- sa. A ideia é tr ansf ormar o tr ec ho da A v enida Pr esidente W ilson entr e a Academia e o Bar V ilarino n u m cor- r edor cultur al com e v entos diários de poesia e música, como já noticiamos aqui, há dois meses. É aquela v elha história: a coluna não é ba balorixá, mas como r ece be o santo!-->Luminosa presença-->O tempo não passa par a Bruna Lombar di, que esta v a deslum - br ante na noite de a bertur a do F es - ti v al de Cinema do Rio . Ela v eio ao Br asil especialmente par a parti - cipar do e v ento: será uma das ju - r adas da Pr emièr e Br asil, a mais importante pr emiação do festi v al carioca.-->Barrados no baile-->O elegante con vite par a a festa de a bertur a do F esti v al de Cinema do Rio pedia tr aje blac k tie. Uma turma que não r espeitou o pedido f oi liter almente barr ada na porta do P a vilhão do F esti v al, na Gam - boa. T inha marmanjo de berm uda – como se esti v esse no pancadão do baile funk.-->Aliás...-->Se f osse par a encr encar mesmo com o -->dr ess code -->, m uita gente ia ficar de f or a. No v es f or a os esti - losos J osé W ilk er e o próprio J a - bor , que se v estir am como os g r an - des astr os de Holl yw ood, com aquele smoking blac k total, tinha Othon Bastos, Nanini, Caio J un - queir a, entr e outr os, de blaz er e camisa social.-->V ivendo e aprendendo-->De Arnaldo J a bor , anteontem, sobr e seu filme -->A supr ema felicidade -->, que é bastante autobio g ráfico e f oi o esco - lhido par a a brir o F esti v al de Cinema do Rio: – A supr ema felicidade é um apr en- dizado permanente com decepções constantes.-->Coisa feia!-->V i viane P asmanter se descuidou ao deixar seu carr o na Pr aça Mahatma Gandhi – onde con vidados e impr ensa estaciona v am seus v eículos par a a a ber - tur a do F esti v al do Rio – e aca bou batendo na tr aseir a do carr o de um f otóg r af o . Os segur anças vir am e con - tar am par a o r apaz. A bonitona se man - dou na maior , sem deixar nome nem telefone.-->Cheiro bom-->A cantor a colombiana Shakir a lan- ça, mês que v e m, seu primeir o per- fume: o S b y Shakir a. F elizmente nem só de F ar c e seus sanguinários assassinos vi v e a C o- lômbia.-->Dura lex...-->A Ampla terá que pagar indeniza - ção , no v alor de R$ 7.386,11, por danos mor ais e materiais, a FluminPizza. Em 2003, a empr esa de alimentação de Niterói te v e a sua ener gia elétrica in - terr ompida, de vido a um curto-cir cuito em suas instalações, o que lhe causou g r ande pr ejuíz o .-->Sed lex-->O pr oblema ocorr eu por que a Am- pla, na ocasião , substituiu o medidor sem a utilização da ferr amenta ade- quada. A decisão f o i do desembar- gador Lindolpho Mor ais Marinho , da 16ª Câmar a Cív el.