As melhores exposições da cidade

-- EXTRA --

>> Fundação Eva Klabin, Av. Epitácio Pessoa, 2480, Lagoa. Grátis . Capacidade: 80 lugares

PLATAFORMA DE PESQUISA - O 12º encontro conta com a presença  da arquiteta e museóloga Ruth Levy para a apresentação do tema A Exposição do Centenário e o meio arquitetônico carioca no início dos anos 1920. Reservas:3202-8554 ou [email protected]3ª, 19 de abril, às 17h. 

>> Memorial Getúlio Vargas, Colégio Estadual Santos Dumont e locais públicos de Volta Redonda. Grátis. 

PROJETO INTERIORES / EDIÇÃO VOLTA REDONDA – Cursos com os críticos Felipe Scovino e Daniela Labra, e oficinas com artistas contemporâneos Jarbas Lopes, Ronald Duarte, Cabelo, Alexandre Vogler, Romano e Guga Ferraz, que farão intervenções em espaços públicos. De 2ª, 11 de abril, a 6ª, 15 de abril, das 8h às 12h e das 14h às 18h. Confira aqui a programação completa.

>> Museu de Arte Contemporânea de Niterói, Mirante da Boa Viagem, s/nº, Icaraí (2620-2400). Grátis.

SEMINÁRIO MUSEU-ESCOLA - A presentação de trabalhos de educadores com atuação em espaços culturais e escolares, oferecendo a oportunidade de compartilhamento de experiências arte-educativas desenvolvidas durante os anos de 2009 e 2010. Inscrições 2620-2400, ramal 229. Vagas limitadas. Fornecimento de certificado de participação. Mais informações no site5ª, 14 de abril, 14h às 18h 

>> Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro , Av. Infante Dom. Henrique, 85, Flamengo (2240-4944).  Grátis para o deficiente visual e um acompanhante. R$ 8. Estudantes e idosos pagam meia. 

ENCONTROS MULTISSENSORIAIS – Um programa de acessibilidade para pessoas com deficiência visual que busca estimular em todos a experiência tátil e multissensorial. Permanente. Todos os sábs., às 15h. Veja aqui a programação completa do Núcleo Experimental de Arte de MAM.

>> Solar de Botafogo, Rua General Polidoro, 180, Botafogo (2543-5411). R$ 40,00, R$ 30,00 (100 primeiros pagantes). Estudantes e idosos pagam meia (R$20). Capacidade: 160 lugares. 14 anos.

OUTONO SOLAR - Shows, fotografia, artes plásticas e DJ sets compõem o evento que possui cinco edições. Compra de ingressos aqui. Mais informações no site. 2ªs, 18 e 25 de abrilAbertura da exposição às 20h e show às 21h30

-- ABERTURA --

CEROUNO - Os irmãos Eduardo e Filipe Masini trazem a mostra do argentino Abel Ventoso. Shopping Cassino Atlântico, Av. Atlântica, 4.240, loja. 211, Copacabana (9494-9678). 2ª a 6ª, das 11h às 19h; sáb., das 13h às 18h. Até 7 de maio. A partir de 3ª, 12 de abril.

A LIRICA DA COR / LEO FISSCHER - A cor e o geometrismo se impõem nas telas do pintor holandês Leo Fisscher,   comintrigantes possibilidades liricas de cor, manchas e signos graficos. MNBA, Av. Rio Branco, 199, Cinelândia (2219-8474). 3ª a 6ª, das 10h às 18h; sáb., dom. e feriados, das 12h às 17h. R$5. Grátis aos domingos. Até 15 de maio. A partir de 5ª, 14 de abril, às 18h.

PINTO NO LIXO - Com curadoria do antropólogo Milton Guran, esta é a quarta intervenção urbana do grupo O Estendal, formado por 8 fotógrafos que penduram em um varal suas ideias impressas em tecido. Os autores farão visita guiada e debaterão as obras durante todo o evento. Haverá leitura do texto do curador na abertura da mostra. Praça Edmundo Rego, Grajaú. Dom., 17 de abril, das 10h às 19h. 

PLACEBO / TATIANA GRINBERG – A artista apresenta, entre outras obras, a  instalação multissensorial homônima, que solicita o   público através dos sentidos visual, auditivo e proprioceptivo (sentido que nos dá a sensação do próprio corpo).  Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro , Av. Infante Dom. Henrique, 85, Flamengo (2240-4944). 3ª a 6ª, das 12h às 18h; sáb., dom. e feriado, das 12h às 19h. R$ 8; idosos e estudantes maiores de 12 anos pagam meia; grátis para amigos do MAM e crianças até 12 anos; dom. ingresso família para até 5 pessoas: R$ 8. Até 5 de junho. A partir de sáb., 9 de abril, das 16h às 19h.

VÉUS / THALES LEITE - A mostra é fruto da observação de linhas, padrões e estruturas das redes de contenção dos edifícios em restauração espalhados pelas cidades. Em Véus, as escalas são ignoradas, assim como a perspectiva arquitetônica. Visita orientada com o fotógrafo dia 30 de abril, às 17h. Centro Cultural Justiça Federal, Av. Rio Branco, 241, Galeria do 2º andar, Centro (3261-2550). 3ª a dom., das 12h às 19h. Grátis. Até 29 de maio. A partir de 5ª, 28 de abril.

-- EM CARTAZ NOS MUSEUS E CENTROS CULTURAIS --

>> Centro Cultural dos Correios, Rua Visconde de Itaboraí, 20, Centro (2253-1580). 3ª a dom., das 12h às 19h. Grátis.

FERNANDO PESSOA, PLURAL COMO O UNIVERSO - A obra de Fernando Pessoa (1888-1935) em uma exposição multimídia com objetivo de mostrar que a poesia do escritor é para todos. Até 22 de maio. 

PROPAGANDAS DE CIGARRO / COMO A INDÚSTRIA DO FUMO ENGANOU AS PESSOAS - Pérolas da propaganda da indústria tabagista — que divulgava, inclusive, falsas indicações médicas afirmando que o cigarro fazia bem à saúde — compõem a exposição. Até 22 de abril.

>> Centro Cultural Justiça Federal, Av. Rio Branco, 241, Galeria do 2º andar, Centro (3261-2550). 3ª a dom., das 12h às 19h. Grátis.

GALERIA DAS TOGAS - A exposição, inédita no Rio de Janeiro, mostra um breve histórico da origem e evolução do uso da Toga - roupa indispensável no vestuário dos magistrados. Permanente.

MARCOS SÊMOLA / TRANSITIVO DIRETO - Artista com exposições no exterior e no Brasil, suas fotos convergem para as linguagens publicitária e street. A mostra conta com 14 imagens em preto e branco, filme e digital, dos locais por onde Sêmola passou. Até 17 de abril.

MEMÓRIAS DA CIDADE - Uma coleção de imagens especiais do acervo do jornal O Globo. São fotografias clássicas, em preto e branco, que mostram o cotidiano da cidade do Rio de Janeiro, nos anos 50 e 60. Até 22 de maio. 

MUITO PRAZER - Com a finalidade de comemorar seus 10 anos, é inaugurado o Espaço Virtual. O conjunto de imagens do fotógrafo Emerson Muniz revela outros ângulos do Centro Cultural, na exposição que inaugura a atração. Até 22 de maio.

PENSAMENTOS - Com 40 anos de carreira e inspiração no cotidiano, o carioca Eraldo Motta apresenta peças de pintura-relevo envolvendo diversos materiais reciclados como madeira, metal, resina e papel machê. Até 22 de maio.

THOMAS HENRIOT NO BRASIL - Artista plástico francês, de 30 anos, que percorre o mundo desenhando com nanquim em pergaminhos (que chegam a até 22 metros de comprimento) expõe sua passagem pelo Rio. Henriot estará presente na abertura. Centro Cultural Justiça Federal, Av. Rio Branco, 241, Galeria do 2º andar, Centro (3261-2550). 3ª a dom., das 12h às 19h. Grátis. Até 22 de maio. 

>> Caixa Cultural Rio de Janeiro, Av. Almirante Barroso, 25, Centro(2544-4080). 3ª a sáb., das 10h às 22h; dom., das 10h às 21h. Grátis. 

A FORMA FORJADA / ROX REZENDE - Vinte e seis trabalhos do artista Rogério Miranda Rezende são apresentados. São obras realizadas em ferro cortado, batido e soldado. Suas peças são quadros/esculturas que resgatam a arte do ferro de forma contemporânea e criativa. Até 1º de maio.

NIOBE XANDÓ – FLORESTAS FANTÁSTICAS E MÁSCARAS IMAGINÁRIAS - A primeira individual da artista plástica no Rio reúne uma seleção de 42 pinturas e desenhos. Até 29 de maio.

POÉTICA POP / RAYMUNDO COLARES - São 38 obras mapeando a produção do artista ao longo dos anos de 1960, 1970 e 1980, através de óleos, desenhos, pinturas, serigrafias e livros/objetos. Gibis em vitrines, um vídeo, em homenagem a Colares, com direção de Sérgio Bernardes, e uma cronologia ilustrada do artista compõem a mostra. Até 15 de maio. 

RUBENS GERCHMAN: OS ÚLTIMOS ANOS - A exposição reúne 30 serigrafias de autoria de Gerchman (1942-2008), além de prova de sua última gravura. Até 8 de maio. 

O UNIVERSO GRÁFICO DE GLAUCO RODRIGUES - Retrospectiva do pintor, desenhista, gravador, ilustrador e cenógrafo gaúcho Glauco Rodrigues (1929-2004) com mais de 100 obras originais, entre litografias, serigrafias e capas de revistas, livros e discos. Até 8 de maio. 

>> Centro Cultural Banco do Brasil , Rua Primeiro de Março, 66, Centro (3808-2020). 3ª a dom., das 10h às 21h. Grátis .

I IN U – EU EM TU / LAURIE ANDERSON - Uma das mais importantes artistas da cena contemporânea, a norte-americana Laurie Anderson ganha sua primeira exposição individual no Brasil. No dia 29, a artista fará performance às 18h30, na Rotunda, seguida de palestra, às 19h00, no Teatro 1. Até 26 de junho. 

THIAGO ROCHA PITTA  – O artista exibe na Juventude (2006) – escultura/instalação – e O cúmplice secreto (2008), inédita no Brasil – vídeo – sendo que ambos referem-se à água, que ele transforma em arte, propondo sensações em cada um dos visitantes. Até 24 de abril. 

>> Espaço Cultural Municipal Sérgio Porto, Rua Humaitá, 163 (entrada pela rua Visconde de Silva), Galeria Marcantonio Villaça 2 (segundo andar), Humaitá (2266-0896). 3ª a dom., das 14h às 22h. 

DESENHO EM CAMPO AMPLIADO - Os trabalhos de Carolina Ponte, Daniela Antonelli, Malu Saadi e Pedro Varela investem na confluência de temas e propostas poéticas que ampliam o campo do desenho, bem como a sua força e potência. Grátis. Até 29 de maio. 

>>  Instituto Moreira Salles, Rua Marquês de São Vicente, 476, Gávea (3284-7400). 3ª a 6ª, das 13h às 20h; sáb., dom. e feriados, das 11h às 20h. Grátis. 

RETRATO DO IMPÉRIO E DO EXÍLIO A mostra reúne imagens inéditas da família imperial brasileira pertencentes ao acervo fotográfico herdado pelo príncipe Dom João de Orleans e Bragança, que agora ficará sob a guarda do local. Até 29 de maio.

VIDEO PORTRAITS DE ROBERT WILSON - A exposição reúne 14 videoretratos de celebridades e anônimos. Entre os retratados estão os atores Brad Pitt, sem camisa na chuva, e Winona Ryder, que aparece com Winie, personagem na peça 'Dias felizes', de Samuel Beckett. Até 15 de maio.

>> Museu Casa do Pontal, Estrada do Pontal, 3.295, Recreio dos Bandeirantes (2490-3278). 3ª a dom., das 9h30 às 17h. R$ 10. 

MÁQUINAS POÉTICAS – Seis trabalhos de Abraham Palatnik, de Adalton Fernandes Lopes (1938 – 2005), Laurentino (1937 – 2009), Nhô Caboclo (? – 1976) e Saúba (1953), muitos são raros. Até 5 de junho. 

>> Museu da Chácara do Céu, Rua Murtinho Nobre, 93, Santa Teresa. 4ª a 2ª, das 12h às 17h. R$2. Grátis, às 4ªs, para idosos e menores de 12 anos. 

GRAVURAS DE ARQUITETOS MODERNISTAS DA COLEÇÃO DE CARLOS BARROSO - A mostra é composta por 34 gravuras, entre serigrafias e litografias, realizadas entre as décadas de 1970 e 2000 pelos arquitetos Roberto Burle Marx, Lucio Costa, Carlos Leão e Oscar Niemeyer. Até 20 de abril.

>> Museu da Republica, Rua do Catete, 153, Catete (3235-3693). 3ª a 6ª, das 10h às 17h; sáb., dom. e feriados, das 14h às 18h. R$6; grátis 4ª e dom. 

ESTANDARTES DO MUSEU HISTÓRICO DA CIDADE, REPRESENTAÇÕES DA NOSSA HISTÓRIA - Estandartes, datados da década de 50, que estariam "escondidos" no museu, segundo a historiadora Heloisa Helena. As peças passaram por dois anos de restauração. Até 30 de abril. 

A RE PÚBLICA BRASILEIRA - A exposição se divide em seis ambientes que pretendem recriar, historicamente, o período republicano.

>> Museu de Arte Contemporânea de Niterói, Mirante Boa Viagem, s/nº, Niterói (2620-2400). 3ª a dom., das 10h às 18h. R$ 5.

(RE)CONSTRUÇÃO: ARTE CONTEMPORÂNEA DA ÁFRICA DO SUL - Coletiva com obras de 13 artistas sul-africanos, com curadoria de Daniella Géo. Até 15 de maio.

>>  Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, Av. Infante Dom. Henrique, 85, Flamengo (2240-4944). 3ª a 6ª, das 12h às 18h; sáb., dom. e feriado, das 12h às 19h. R$ 8; idosos e estudantes maiores de 12 anos pagam meia; grátis para amigos do MAM e crianças até 12 anos; dom. ingresso família para até 5 pessoas: R$ 8. 

29ª BIENAL DE SÃO PAULO - OBRAS SELECIONADAS - Com 90 obras de 17 artistas, a mostra é um recorte da 29ª Bienal de São Paulo, que reuniu 850 obras de 159 artistas de vários países. A seleção, que inclui vídeo de Jean-Luc Godard, foi feita pelos curadores Moacir dos Anjos e Agnaldo Farias. Grátis. Até 15 de maio.

TERCEIRA METADE - Tatiana Blass, Manuel Caeiro e Yonamine compõem a mostra que possui exposição, seminários, mostra de cinema e o conjunto dos trabalhos dos artistas. A programação no siteGrátis. Até 17 de abril.

>> Museu do Índio, Rua das Palmeiras, 55, Botafogo (3214-8705). 3ª a 6ª, das 9h às 17h30; sáb., dom. e feriados, das 13h às 17h.

DOCUMENTÁRIO LÍNGUAS E CULTURA - Retrospectiva das ações desenvolvidas pelo Programa de Documentação de Línguas e Culturas Indígenas, com 70 fotos feitas por índios. Até 14 de abril.

-- EM CARTAZ NAS GALERIAS E OUTROS ESPAÇOS --

ADRIANO MOTTA / TRABALHOS RECENTES - A primeira mostra individual do artista tem como foco a experimentação. Mercedes Viegas Arte Contemporânea, Rua Jorge Borges, 86, Gávea. 2ª a 6ª, das 12h às 20h; sáb., das 16h às 20h. Grátis. Até 23 de abril.

ÁLVARO SEIXAS - Exposição de pinturas, em diferentes técnicas, que formam uma instalação. Galeria Amarelonegro Arte Contemporânea, Rua Visconde de Pirajá, 111, loja 2, Ipanema (2549-3950). 2ª a 6ª, das 11h às 20h; sáb., das 10h às 16h. Grátis. Até 20 de abril.

ATLÂNTICO CONTEMPORÂNEO - Galerias de arte se reúnem na segunda edição do evento coletivo contemporâneo no Rio, para oferecer diferentes modos de olhar a arte atual. Shopping Cassino Atlântico, Av.Atlântica, 4.240, Copacabana (2523-8709 ). 2ª a sáb., das 10h às 22h; dom. e feriados, das 15h às 21h. Grátis. Até 23 de abril. Veja mais informações aqui

BAIXO ESTÁCIO -  O fotógrafo AC Junior, na sua primeira individual no país, apresenta 25 trabalhos extraidos de uma série documental que vem desenvolvendo há uma década na região próxima ao Sambódromo. Ateliê da Imagem, Avenida Pasteur, 453, Urca (2244-5660). 2ª a 6ª, das 10h às 21h; sáb., das 10h às 18h. Grátis. Até 23 de abril.

BOTEQUIM - As esculturas de Gigi Manfrinato e Sandra Lee reunidas em um botequim pé sujo, com direito a um show de jazz. Espaço Cultural Eletrobras Furnas - Espaço de Convivência Herbert de Souza, Rua Real Grandeza, 219, Botafogo. 3ª a 6ª, das 14h às 18h; sáb, dom. e feriados, das 14h às 19h. Grátis. Até 15 de maio. 

CAÇADORES DE SONHOS A exposição tem como tema a realidade de jovens cariocas de comunidades carentes. Centro Universitário Plínio Leite (Unipli), Avenida Visconde do Rio Branco, 123, Centro, Niterói (2199-1464). 2ª a 6ª, das 7h30 às 22h30; sáb., das 7h às 17h. Grátis. Mais informações no site. Até 15 de abril.

CERRADO, A MÃE D’ÁGUA - Uma mostra multimídia traz fotografias e vídeo-instalações de Paulo Jobim, um panorama de imagens com vídeos em 3 telas, uma homenagem ao cinegrafista Serginho Bernardes, com dois filmes dele e seções do documentário do jornalista Washington Novaes, Cerrado UrgenteGalpão das Artes, Rua Jardim Botânico, 1008, Jardim Botânico (2274-7012). 3ª a dom., das 10h às 17h. Grátis. Até 20 de maio. 

CRÔNICAS URBANAS - Os artistas Bárbara Schall, Binho Barreto, Bruno Cançado, Camila Bicalho, Fabiano Dutra e Thiago Pena apresentam uma pluralidade e diversidade de linguagens do mundo contemporâneo. Conversa com a participação dos artistas e do crítico de arte e diretor do MAC-Niterói, Guilherme Bueno, sáb., 30 de abril, às 16h. Galeria Anna Maria Niemeyer, Praça Santos Dumont,140 a, Baixo Gávea (2239-9144). 3ª a 6ª, das 12h às 21h; sáb. e dom., das 14h às 18h; fechado nos feriados. Grátis. Até 30 de abril. 

DO LUGAR - Quatro artistas juntos mostram, com delicadeza, as suas visões do mundo. Nas mãos de Mariana Serri, Lucas Arruda, Julia Kater e Daniela Antonelli, paisagens viram abstrações. A coletiva reúne pinturas, desenhos, colagens e fotografias. Mul.ti.plo Espaço Arte, Rua Dias Ferreira, 417, sala 206, Leblon (2259-1952). 2ª a 6ª, das 10h às 18h; sáb., 12h às 16h. Grátis. Até 20 de maio.

DOMINGO NO PARQUE – UMA BRINCADEIRA FOTÓGRAFICA – O coletivo de fotógrafos traz imagens que traduzem os aspectos lúdicos do tradicional Parque Shanghai, na Penha. A mostra comemora os 20 anos do Solar Meninos de Luz. Solar Meninos de Luz, Ladeira Saint Roman, 146, Copacabana. Diariamente, das 8h às 17h. Grátis. Até 20 de abril. 

EMBALANDO PALAVRAS - Exposição com 5o capas de livros criadas por Chico de Assis e Christiano Menezes, à frente do escritório de design Retina 78.  Caza Arte Contemporânea, Rua do Resende, 52, Lapa. 2ª a 6ª, das 14h às 20h. Grátis. Até 15 de abril.

FAYGA OSTROWER - ILUSTRADORA - São apresentadas 100 obras da artista, incluindo gravuras, desenhos e colagens. Instituto Moreira Salles, Rua Marquês de São Vicente, 476, Gávea (3284-7400). 3ª a 6ª, das 13h às 20h; sáb., dom. e feriados, das 11h às 20h. Grátis. Até 15 de maio. 

A FESTA NO CÉU E AS ROSAS O artista Bernardo Ramalho expõe desenhos, esculturas, objetos e instalações inspirados nos contos folclóricos e no universo popular e lúdico. A Gentil Carioca, Rua Gonçalves Ledo, 17, Sobrado, Centro (222-1651). 3ª a 6ª, das 12h às 19h; sáb., das 12h às 17h. Grátis. Até 21 de maio. 

FIRME E FORTE RECORDS - Resultado da parceria de  Ananda e Izolag, que têm a música como matéria prima inspiradora e do estêncil como principal estilo, os trabalhos mesclam tradição brasileira com cultura alternativa, música e artes gráficas, tintas e suportes variados. Homegrown, Rua Maria Quitéria, 68, sobreloja, Ipanema (2513-2160). 2ª a 6ª, das 10h às 20h; sáb., das 12h às 18h. Grátis. Até 14 de abril. 

FORA DO PLANO TUDO É ILUSÃO / GUSTAVO SPERIDIÃO - Nove pinturas enormes, feitas sobre lonas cruas ou preparadas por uma camada de verniz incolor. Será exibido o vídeo Os Inimigos de 2008. Anita Schwartz Galeria de Arte,  Rua José Roberto Macedo Soares, 30, Gávea ( 2274-3873). 2ª a 6º, das 10h às 20h; sáb., das 12h às 18h. Grátis. Até 23 de abril. 

GUERRA E PAZ - Exposição dos painéis “Guerra” e “Paz”, de Cândido Portinari (1903-1962), encomendados pelo governo do presidente Juscelino Kubitschek e doados à ONU, que medem 14x10 metros, cada um, e foram desmontados em 28 partes. Palácio Gustavo Capanema, Rua Imprensa, 16, Centro ( 2240-3344). 3ª a 6ª, das 10h às 17h. Grátis. Até 20 de maio.

IDENTIDADE - A mostra traz os trabalhos da artista Liz que explora em suas obras temas como religião, lembranças de infância, conflitos e sensualidade e utiliza técnicas como raspagem, cola com tinta acrílica e a aplicação de várias camadas de tintas, o que provoca dúvidas sobre o material de suporte. Galeria Gustavo Schnoor, Rua São Francisco Xavier, 524, Maracanã (2334-07280). 2ª a 6ª, das 9h às 20h. Grátis.Até 20 de abril. 

JORGE - Em homenagem ao São Jorge, um dos santos mais populares do Rio, a mostra do fotógrafo Vanor Correia apresenta cliques e esculturas de diversos artistas populares inspiradas no santo. Galeria Cândido Portinari, Rua São Francisco Xavier, 524, Maracanã (2334-0728). 2ª a 6ª, das 9h às 20h. Grátis. Até 20 de maio. 

LOS CAPRICHOS DE GOYA -  A mostra traz 80 gravuras do artista Francisco José de Goya y Lucientes (1746-1828), que satirizam a sociedade espanhola do final do século XVIII. Instituto Cervantes, Rua Carmo, 27, Centro (3231-6555). 2ª a 6ª, das 10h às 19h; sáb, das 11h às 14h. Grátis. Até 21 de abril.

MARTA JOURDAN E DERLON - A artista expõe Óleo, peça cinética que reflete o entorno e suga a imagem refletida. Ele apresenta pinturas sobre madeira, em objetos e nas paredes externas da galeria. Artur Fidalgo Galeria, Rua Siqueira Campos, 143, 2° piso lojas 147/150. 2ª a 6ª, das 10h às 19h; sáb., das 10h às 14h. Grátis . Até 30 de abril. 

MEMÓRIA PRESENTE - A mostra é resultado de um trabalho feito na Quinta das Lágrimas, em Coimbra, Portugal. Galeria Maria de Lourdes Mendes de Almeida, Centro Cultural Cândido Mendes, Rua Joana Angélica, 63, Ipanema (2523-4141). 2ª a 6ª, das 14h às 20h; sáb., das 16h às 20h. Grátis. Até 20 de abril.

MONTE RORAIMA – A MONTANHA SAGRADA – Resultado de uma viagem feita em 2010 até a comunidade indígena de Paraitepuy, no Parque Nacional Gran Sabana, na Venezuela. Em 10 dias de trabalho, Fred Schiffer registrou o Monte Roraima. São 27 painéis entre 2,5m por 4,0m. Unigranrio, Biblioteca Euclides da Cunha, na Rua professor Jose de Souza Herdy 1160, Duque de Caxias (2672-7777). 2ª a 6ª, das 8h às 20h. Até 15 de abril. 

NOVA CULTURA CONTEMPORÂNEA - Mais de 100 artistas de várias partes do mundo participam da mostra. A ideia parte do coletivo Rojo, fundado há dez anos, em Barcelona, por David Quiles Guilló, curador da mostra. Os trabalhos incluem arte em progresso, multidimensional e colaborativa. Casa França-Brasil, Rua Visconde de Itaboraí, 78, Centro (2332-5120). Grátis. Escola de Artes Visuais do Parque Lage, Rua Jardim Botânico, 414, Jardim Botânico (3257-1800). Grátis . Mais informações e horários no siteAté 30 de abril. 

PEDRA, FERRO E FOGO -  Ex-aluno de Amílcar de Castro, o artista Jorge dos Anjos, conhecido como Mineiro, exibe esculturas em pedra sabão, peças em madeira e metal, “gravaduras” e “riscaduras” na Galeria Coleção de Arte, além de uma escultura em ferro com dois metros de altura exposta no Parque do Flamengo. Coleção de arte, Praia do Flamengo, 278, Térreo, Flamengo (2551-0641). 2ª a 6ª, das 12h às 18h; sáb., das 9h às 13h. Grátis. Até 28 de maio.

POÉTICA EXPOSITIVA -  Obras de seis artistas contemporâneos que giram em torno da noção de poesia expandida. Sob a curadoria de Sonia Salcedo del Castillo, os trabalhos de Adolfo Montejo Navas, Ana Linnemann, Eduardo Coimbra, Lenora de Barros, Ricardo Aleixo e Victor Arruda relacionam arte e poesia. Cavalariças da Escola de Artes Visuais do Parque Lage, Rua Jardim Botânico, 414, Jardim Botânico ( 3257-1800) . 2ª a 5ª, das 12h às 20h; 6ª, sáb. e dom., das 10h às 17h. Grátis. Até 8 de maio. 

PRETO | BRANCO - 1963 | 1966 / ROBERTO MAGALHÃES - Com 79 xilogravuras e 26 desenhos realizados entre 1963 e 196 6 – obras pouco vistas pelo público,a exposição apresenta um panorama bastante abrangente da obra gráfica do artista. Escola de Artes Visuais do Parque Lage , Galerias 1,2 e EAV , Rua Jardim Botânico, 414, Jardim Botânico ( 3257-1800) . 2ª a 5ª, das 9h às 22h; 6ª, sáb. e dom., das 9h às 17h. Grátis. Até 22 de maio. 

RAMOS - Imagens do fotógrafo paulista Julio Bittencourt registrados no Piscinão de Ramos em 2008, 2009 e 2010. Galeria da Gávea, Rua Marquês de São Vicente, 431, loja A, Gávea (2274-5200). 2ª a 6ª, das 11h às 19h (mediante agendamento); sáb., das 11h às 19h. Grátis. Até 7 maio. 

REGISTROS DE UMA GUERRA SURDA - O período sombrio da História brasileira entre 1964 e 1985, a ditadura militar, é o tema da exposição com curadoria de Viviane Gouvea. A mostra reúne material dos órgãos de repressão política da época e uma mostra de filmes. Arquivo Nacional, Praça da República, 173, Centro, (2179-1273). 2ª a 6ª, das 8h30 às 18h. Grátis. Até 26 de agosto.

RIO - A exposição conta com uma média de 3 trabalhos de cada fotógrafo, alguns em preto e branco (Rogério Reis e Evandro Teixeira) e outros em cor (Renan Cepeda, Custódio Coimbra e Leonardo Aversa).Galeria Tempo, Av. Atlântica, 1782 / loja E, Copacabana (2255-4586). 3ª a sáb., das 11h às 19h. Grátis. Até 4 de junho. 

A ROTA 66 - A mostra, do fotógrafo Roberto Soares Gomes, revela o olhar de um brasileiro sobre uma lendária rodovia norte-americana. Galeria Zoom, Rua do Comércio, 5, Centro Histórico, Paraty (3371-2764). 6ª, sáb., dom. e feriados, das 20h às 23h30. Grátis. Até 8 de maio. 

SALVE-SE QUEM PUDER - O centro de visitantes do "Monumento Estácio de Sá" é inaugurado com instalação do coletivo de fotógrafos O Estendal e grupo OPA. Aos sábados haverá leitura de textos, poesias e projeções. O centro de visitantes também está equipado com totens multimídias.  Veja o vídeo da exposição 'Salve-se quem puder' que passou pela Praça São Salvador, Laranjeiras, na Quinta da Boa Vista e São Cristovão. Monumento Estácio de Sá, Subsolo, Parque do Flamengo. 3ª a dom., das 10h às 17h; sáb., das 14h às 17h. Grátis. Até 30 de abril.

ZONA DE SATURAÇÃO - Alê Souto expõe pinturas, gravuras e objetos. Jaime Portas Vilaseca Galeria, Avenida Ataulfo de Paiva, 1.079, subsolo, 109, Leblon (2274-5965). 2ª a 6ª, das 9h às 19h; sáb., das 10h às 14h. Grátis. Até 24 de abril.